Exemplo: vira-lata surge usando máscara para se proteger do coronavírus; vídeo

em alta
30.04.2020, 19:39:54
Atualizado: 30.04.2020, 20:10:02

Exemplo: vira-lata surge usando máscara para se proteger do coronavírus; vídeo

Apesar de cena fofa, veterinários não recomendam uso da proteção em animais

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Foto: Reprodução

Enquanto alguns 'ser humanões' insistem em ir pra rua sem máscara para proteger a si e os outros do coronavírus, um vira-lata caramelo surgiu dando o exemplo na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais. 

O doguinho consciente estava deitado tranquilamente no que parece ser o batente de uma ponte da cidade quando foi flagrado por uma motorista. O vídeo feito por ela viralizou no Twitter e o vira-lata já angariou fãs.

Teve gente até o pedindo nas eleições de 2022 pois, garantem os internautas, o doguinho tem feito mais para enfrentar o coronavírus que certos líderes políticos. Veja o vídeo:

Bonitinho mas não recomendado
A cena tocou o coração de muitos, mas provavelmente o cachorro não estava muito confortável com o utensílio - apesar de demonstrar tranquilidade no vídeo. A organização PETA, que defende os animais, explicou que o uso da máscara não protege os animais da doença.

A organização norte-americana informou que máscaras podem causar incômodos, desconforto, alergias e até mesmo acidentes. Segundo a ONG, os cuidados que precisam ser tomados é com a higienização dos ambientes.

Além disso, as pesquisas realizadas até o momento indicam que o vírus não é muito prejudicial aos pets, como gatos e cachorros. Então guarde as máscaras para você e cuide direito de seu companheiro de vida e quarentena. 

*Com orientação do editor João Gabriel Galdea

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas