Filhos de ambulantes terão espaço de convivências na festa de Iemanjá

salvador
27.01.2017, 16:30:00
Atualizado: 27.01.2017, 16:31:01

Filhos de ambulantes terão espaço de convivências na festa de Iemanjá

A equipe responsável realizará atendimento em tempo integral e desenvolverá atividades lúdicas, esportivas e pedagógicas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

As crianças e adolescentes filhos de vendedores ambulantes que estiverem trabalhando na festa de Iemanjá, no Rio Vermelho, terão um espaço de convivência para ficarem durante o festejo. A local irá funcionar na Escola Municipal Hercilia Moreira, na Rua Monte Conselho, das 8h às 20h. 

O espaço terá capacidade para acolhimento de 30 crianças e adolescentes, onde serão oferecidos os cuidados necessários, como cinco refeições diárias e higiene pessoal. A equipe técnica responsável, formada por 21 profissionais, realizará atendimento em tempo integral e desenvolverá atividades lúdicas, esportivas e pedagógicas, previamente planejadas, respeitando a idade e a cultura do público atendido.

Serão realizadas ainda escutas de todos os acolhidos, sobretudo dos que demandem uma atenção especial, visando conhecer o seu histórico de vida e sua realidade. Os pais ou responsáveis, ao realizarem a visita, também serão escutados e orientados quanto às questões relacionadas aos seus filhos/parentes, e, quando necessário, encaminhados para atendimentos nos Centros de Referência Especializados da Assistência Social (Creas) e Centros de Referência da Assistência Social (Cras).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas