Fórum ESG Salvador trouxe importância das ações ambientais, sociais e de governança

estúdio correio
20.05.2022, 14:40:52
Fórum teve grande participação do público nos dois dias de evento (Foto: Roberto Abreu)

Fórum ESG Salvador trouxe importância das ações ambientais, sociais e de governança

Evento foi realizado pelo Jornal CORREIO e portal Alô Alô Bahia

Uma sigla simples, formada por apenas três letras, mas que possui um significado consideravelmente abrangente, integrado e relevante para à sociedade. Estamos falando de ESG (Environmental, Social and Governance), o que traduzido para o português quer dizer Ambiental, Social e Governança.

Embora tenha conquistado notoriedade somente nos últimos três anos, o conceito de ESG existe há quase duas décadas. O seu primeiro registro data de 2004, quando foi publicado em um relatório do Banco Mundial em parceria com a ONU e instituições financeiras de nove países, intitulado Who Cares Wins (Ganha Quem se Importa).

O documento foi o resultado de uma provocação do então secretário-geral da ONU, Kofi Annan, a 50 CEOs de instituições financeiras de todo o mundo, com o objetivo de que os bancos fornecessem respostas acerca de como integrar fatores ambientais, sociais e de governança ao mercado de capitais.

Nos últimos anos, fundos de capitais e consumidores se tornaram mais exigentes em relação as condutas empresariais, o que contribuiu para trazer o ESG novamente à cena. Atualmente, os fundos com premissas econômicas e socioambientais já atingiram a marca de US$ 1 trilhão e 77% dos investidores já afirmaram que irão abandonar produtos fora da ordem ESG até o final de 2022, segundo pesquisa da PwC.

FÓRUM PIONEIRO
Durante os dias 11 e 12 de maio, este relevante tema, cada vez mais presente no mundo corporativo, esteve em evidência no Porto Salvador, onde o Jornal CORREIO e o portal Alô Alô Bahia promoveram o I Fórum ESG Salvador. Na ocasião, especialistas, executivos e autoridades tiveram a oportunidade de debater formas para tornar os setores privado, público e da sociedade civil mais engajados com este propósito.

O alto quórum de público nos dois dias de evento, somado ao fato de as inscrições terem encerrado rapidamente dão uma amostra do sucesso que foi o I Fórum ESG Salvador. Quem não conseguiu estar presente, porém, teve acesso a transmissão ao vivo (ainda disponível) pelo youtube.com/correio24h.

CONSCIÊNCIA E COMPROMISSO

Renata de Magalhães Correia, Rafael Freitas e Antonio Carlos Magalhães Júnior (Foto: Elias Dantas)

“É um desafio estarmos trazendo este debate sobre o ESG. Acredito que sairemos daqui muito mais conscientes e com o compromisso de adotar as melhores práticas ambientais, sociais e de governança”, avaliou a diretora do Jornal CORREIO, Renata de Magalhães Correia. Para o diretor de Conteúdo do Alô Alô Bahia, Rafael Freitas, o evento ajudou a reforçar práticas recorrentes na gestão dos dois veículos. “Este fórum teve o objetivo de disseminar a outros empresários e líderes condutas já praticadas pelos organizadores.”

O presidente do Conselho de Administração da Rede Bahia, Antonio Carlos Magalhães Júnior, destacou a importância de debater o ESG no atual cenário local e global. “É um conhecimento que vem ganhando corpo e, que no Brasil, está engatinhando”, observou. O presidente da Saltur, Isaac Edington, elogiou a qualidade das discussões. “O conhecimento está muito próximo da ação. Como podemos acelerar o processo de implementação do ESG?”, indagou aos presentes.

O I Fórum ESG Salvador foi um projeto realizado pelo Jornal Correio e Alô Alô Bahia com o patrocínio da Acelen, Unipar, Yamana Gold, Bracell, BAMIN, Socializa e Suzano, apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador e Sebrae, apoio de Contermas, Battre, Termoverde, Terra Forte, Hela, Retec, Ciclik, Larco, Grupo LemosPassos, Fundação Norberto Odebrecht e Hiperideal, parceria de Vini Figueira Gastronomia, Fernanda Brinço Produção e Decoração, Uranus2, TD Produções, Vinking e Suporte Eventos.


O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas