Greve da PM: policiamento é reforçado em Feira de Santana

bahia
11.10.2019, 21:50:00
Atualizado: 11.10.2019, 21:50:50
((Foto: Elói Correa/GOVBA))

Greve da PM: policiamento é reforçado em Feira de Santana

Mais três unidades da Polícia Militar foram direcionadas para garantir a segurança na cidade

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A segurança tem sido reforçada na cidade de Feira de Santana desde esta quinta-feira (10), quando três unidades da Polícia Miitar da Bahia se juntaram às quatro companhias já existentes no municípios, totalizando sete grupamentos nas ruas e distritos. De acordo com Governo do Estado, o município ganhou unidades do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer) e de Companhias Independentes de Policiamento Especializado (Cipe).

"O nosso policiamento se encontra normalizado nos 99 municípios da região leste. Em Feira de Santana, nós ainda contamos com o apoio das forças especializadas para que o comércio e o transporte continuem funcionando normalmente. Em caso de qualquer ameaça à ordem pública, o cidadão pode nos procurar. Os crimes acontecidos estão sendo devidamente investigados, com o apoio da Polícia Civil", explicou o comandante de policiamento da região leste, coronel Luziel Andrade.

Ainda conforme o coronel, está em andameto a investigação dos homicídios registrados nos últimos dois dias no município. Andrade acrescentou que os crime foram cometidos por indivíduos a bordo de um mesmo veículos. A polícia obteve imagens e informações que já estão sendo investigadas pela Polícia Civil. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas