Gusttavo Lima faz coro com fãs e lota Festival Virada Salvador

salvador
30.12.2019, 23:42:27
Atualizado: 30.12.2019, 23:55:23
(Gabriela Cruz/CORREIO)

Gusttavo Lima faz coro com fãs e lota Festival Virada Salvador

Sertanejo seria quarta atração da noite, mas show do DJ Alok atrasou

O público ainda estava recuperando o fôlego perdido na quebradeira do Harmonia do Samba, quando Gusttavo Lima subiu ao palco e fez a multidão vibrar e sofrer ao som do sertanejo na noite desta segunda-feira (30). O terceiro dia do Festival Virada Salvador é mais uma vez de mistura de ritmos. Antes de Gusttavo Lima, o público acompanharia o eletrônico de Alok, mas o DJ se atrasou e o sertanejo assumiu o comando. O mix de estilos deixou a multidão agitada.

As irmãs Daniela e Daiane Silva, de 22 e 20 anos, respectivamente, chegaram na Arena Daniela Mercury, na orla da Boca do Rio, com o dia ainda claro e, às 23h, ainda eram das mais animadas. Questionada se teria energia para ficar até o final da festa, Daniela foi rápida na resposta.

“Claro! Hoje a gente só sai no lixo. Vim de Plataforma, no Subúrbio. Você sabe onde fica? Então sabe como é longe. Quero aproveitar bastante. Não vamos voltar tão cedo”, disse, enquanto se balançava ao som de ‘Milu’, um dos sucessos do cantor.

E foi com Milu que o artista conseguiu um dos coros mais lindos da noite. Os versos “Cê fica Milu e Milu me iludindo/ E eu fico no, fico no bar caindo”, fizeram o público balançar de um lado para o outro. No repertório, ainda teve hits como ‘Quem traiu levou’ e ‘Chora até perder a fala’. 

As canções também provocaram um clima de paquera na Arena Daniela Mercury: momento ideal para fazer aquela selfie coladinho, falar no pé do ouvido ou mandar aquele olhar para o crush. Aos poucos, os pares foram surgindo na multidão. Até o prefeito de Salvador, ACM Neto, que recebeu Gusttavo Lima antes do show, apareceu no festival ao lado da nova namorada, Mariana Barreto

Foi esse clima que embalou a noite de Eduardo e Rosângela Souza, 37 e 31 anos, respectivamente. Eles saíram do bairro da Mata Escura para aproveitar a noite no Festival Virada. A mulher foi quem exigiu o presente.

“Foi meu aniversário no sábado e eu sou fã de Gusttavo Lima, então, falei com meu marido para a gente vir assistir ao show dele e ele topou”, contou ela, que acompanhou tudo coladinha na grade em frente ao palco.

(Foto: Monique Maione/CORREIO)

E para quem pensa que é apenas de axé e de pagode que o soteropolitano se alimenta, a estudante Gabriela Conceição, 28, prova o contrário. Ela contou que saiu de casa, no bairro do Cabula, para se divertir, sem rótulos. 

“Não importa se é axé, pagode, sertanejo ou eletrônico, a gente gosta é de suar, de rir com as amigas e esquecer dos problemas. Adoro Harmonia do Samba, aprendi a gostar de Alok, e estou descobrindo a sofrência de Gusttavo Lima. Ano passado estive em outro show dele e foi massa”, contou.

Enquanto a multidão levantava as mãos e agitava de um lado para o outro acompanhando as músicas, o administrador Alex Gurgel, 32, tentava equilibrar o celular para fazer um vídeo do artista. A principal dificuldade era ajustar o zoom do aparelho enquanto segurava a lata com a cerveja. “Mas vai dar certo. Tenho que fazer esse vídeo para mandar no grupo dos amigos que ficaram em São Paulo”, brincou.

Ele contou que chegou em Salvador na sexta-feira (27), participou de todos os dias do Festival Virada, mas que estava esperando por dois artistas em especial.

“Minha esposa adora Ivete Sangalo e eu também (a cantora fará a virada). Além disso, somos fãs de música sertaneja. Gusttavo Lima é uma revelação nesse segmento, as músicas são bonitas. Ele fala de amor. É muito bom”, afirmou.

Quando o cantor deu as primeiras notas de ‘A gente fez amor’, uma chuva começou a cair, mas, aparentemente a água aumentou ainda mais a animação do público que acompanhou em coro os versos da música que integra o álbum O Embaixador, lançado em 2018.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas