Homem é preso ao tentar invadir casa da cantora Taylor Swift

em alta
29.01.2022, 09:42:00
(Divulgação)

Homem é preso ao tentar invadir casa da cantora Taylor Swift

Caso aconteceu em Nova York

A polícia de Nova York prendeu um homem que tentou arrombar a casa da cantora Taylor Swift, 32 anos. O caso aconteceu nesta sexta-feira (28).

Segundo as autoridades, o homem identificado como Morgan Mank, de 31 anos, bateu seu veículo na rua onde Taylow mora e, em seguida, forçou o portão de entrada e tentou quebrá-lo, para ter acesso à residência da cantora.

Segundo um porta-voz da polícia, a cantora tem uma casa na rua onde o homem foi preso, além de diversos apartamentos em um prédio no mesmo local. Ele informou ainda que o invasor pediu para falar com Taylor Swift e disse que não sairia do local até que a encontrasse. A artista não se pronunciou sobre o ocorrido.

As suspeitas começaram a surgir quando o homem começou a dirigir na contramão em uma rua na parte baixa de Manhattan. Ele é acusado de dirigir embriagado e, além de bater o carro na entrada do prédio, também um hidrante no momento da batida, além de arrancar um interfone da parede.

Essa não é a primeira vez que o fenômeno pop sofre com 'stalkers' (termo em inglês usado para pessoas que perseguem celebridades). Taylor inclusive sempre diz que as ameaças à sua segurança são seus "maiores medos". O pavor é tanto que ela implantou uma tecnologia de reconhecimento facial em alguns shows no passado para identificar possíveis 'stalkers' na multidão.

"Você tem um monte de 'stalkers' tentando entrar em sua casa e começa a se preparar para o pior", escreveu ela em um ensaio para a revista Elle em 2019. "Cada dia tento lembrar o que há de bom no mundo, o amor que testemunhei e a fé que tenho na humanidade", completa.

Em junho de 2019, um homem de Iowa foi preso depois de viajar até Rhode Island, onde Taylor Swift estava morando. Ele foi encontrado com ferramentas de roubo, incluindo um taco de beisebol de alumínio, e carregava papéis com planos para invadir a casa da artista.

Um outro homem chamado Roger Alvarado também já foi preso várias vezes por invadir a casa da loira em Manhattan nos últimos anos.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas