Horóscopo de sexta: a voz interior da alma nos orienta

quiroga
02.07.2021, 05:00:00

Horóscopo de sexta: a voz interior da alma nos orienta

Data estelar: Lua quarto minguante em Áries.

A própria estrutura de nossa humanidade nos incentiva a nos lançarmos às experiências, mas nossa boa educação nos contém, só que isso não é suficiente, o impulso básico vence, como água que não se conforma com ser represada. Evidentemente, muitas experiências são inconvenientes, mas, como saber disso antecipadamente? A personalidade deseja, e os desejos são urgentes e imperiosos. Provado está que a contenção não é eficiente, porque cria doenças de corpo e alma. Será, então, que somos condenados a sermos selvagens experimentadores? Não, porque há também a voz interior da alma, amadurecida pela eternidade, que nos orienta na direção das experiências mediante as quais produzimos benefícios, não apenas para nós, exclusivamente, como também para todas as pessoas com que nos relacionamos. A voz seletiva da alma.

ÁRIES: A pressão é enorme, porque os resultados desejados são colossais também. Em frente, porque a fila anda e há muito trabalho a ser feito, até que as coisas adotem uma velocidade de cruzeiro, e a pressão diminua. Assim é.

TOURO: Saber mais não significa necessariamente ter mais domínio sobre a realidade, porque se descortina à sua frente um cenário de altíssima complexidade, revelando que não se pode mesmo controlar quase nada. Em frente.

GÊMEOS: A comunicação é a alma do negócio, porque sem uma boa dose dela, os planos naufragam. As pessoas precisam entender com a maior clareza possível o que você espera delas, porque ninguém funciona por telepatia, ainda.

CÂNCER: Seguir as orientações que as pessoas propõem é temerário, porque sua alma tem a sensação de que o caminho seria outro. Isso provoca um dilema, mas que não precisa se converter num tormento, apenas objeto de maior reflexão.

LEÃO: Quanto mais claras e nítidas sejam suas visões, mais forte se fará sentir o ardor no coração e, como resultado, maiores serão, também, os compromissos que você terá de assumir para que as visões se tornem realidade.

VIRGEM: É desnecessário se arriscar demais para garantir suas pretensões, porém, tampouco você pode se convencer de que o caminho há de ser seguro e tranquilo o tempo todo. Há apostas envolvidas e, como sempre, tudo é incerto.

LIBRA: Nem tanto para lá nem muito para cá, as coisas não precisam acontecer exatamente do jeito que você deseja nem tampouco você deve fazer todas as concessões, para que tudo aconteça do jeito que as pessoas querem.

ESCORPIÃO: As pequenas coisas do dia a dia, se mantidas em ordem, indicarão um caminho agradável para realizar o que, de outra forma, seria tentado com atropelo e desengonço. Mantenha a ordem, isso ajudará muito.

SAGITÁRIO: Aquilo que você deseja precisa ser passado pelo crivo do bom senso, e verificar se é possível mesmo realizar, porque, se for impossível, então não é um desejo, mas uma fantasia, e essas são todas perniciosas.

CAPRICÓRNIO: Você tem em mãos a oportunidade de colocar um ponto final em algumas questões que se alastram há tanto tempo já, que sua real origem se perdeu nas névoas da memória. Tente se livrar do peso do passado.

AQUÁRIO: As palavras que da boca saem não podem ser recolhidas depois de ditas, provocam um impacto em quem as ouve, e que não pode ser desfeito. Conter a fala? Silenciar? Seria melhor, mas talvez não seja possível.

PEIXES: Nada pode ser considerado absolutamente seguro, porque há incertezas por todos os lados no cenário pelo qual você transita. Por isso, neste momento, você precisa reforçar a dose de seu espírito de aventura.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas