Justiça autoriza Elize Matsunaga a cumprir pena em regime semiaberto

brasil
05.08.2019, 23:07:00
(Reprodução)

Justiça autoriza Elize Matsunaga a cumprir pena em regime semiaberto

Ela está presa desde junho de 2012 em Tremembé por matar e esquartejar o marido

A detenta Elize Matsunaga, condenada por matar e esquartejar o marido Marcos Matsunaga, em 2012, conseguiu progressão para o regime semiaberto. Ela deve deixar a prisão pela primeira vez na "saidinha" de Dia dos Pais, nesse final de semana. Elize está cumprindo a pena em Tremembé (SP).

A decisão da juíza Sueli Zeraik, da Vara de Execucões Criminais (VEC) de Taubaté, é cumprida desde 1º julho e atende um pedido da defesa dela, feito no dia 24 de janeiro. O Ministério Público (MP) deu antes um parecer favorável à progressão.

Elize foi condenada a 19 anos e 11 meses de prisão pelo crime em 2016, mas depois a pena caiu para 18 anos e 9 meses e neste ano foi reduzida novamente pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para 16 anos e 3 meses.

Ela está presa desde junho de 2012 na penitenciária feminina Santa Maria Eufrázia Pelletier, em Tremembé.

No regime semiaberto, Elize poderá trabalhar e estudar fora da unidade e voltar à noite. Também passa a poder sair nas datas temporárias, como o Dia dos Pais.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas