Latino é processado por hospital após dar calote de R$ 9 mil

em alta
01.06.2020, 09:07:46
Atualizado: 01.06.2020, 09:11:39
(Foto: Reprodução)

Latino é processado por hospital após dar calote de R$ 9 mil

Cantor 'deu perdido' na Justiça e até hoje não foi localizado para dar explicações

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O hospital Albert Einstein, em São Paulo, está processando o cantor Latino por causa de um calote de R$ 9 mil. Segundo o jornal Extra, a instituição entrou com uma ação após o artista não ter feito o pagamento das despesas hospitalares referentes a um exames laboratoriais realizados em outubro de 2016. 

Segundo o processo que corre na 41ª Vara Cível do Fórum João Mendes Junior, da Comarca de São Paulo, ele saiu sem pagar a consulta e os exames, que na época, custaram R$ 7 mil (sem as correções atuais).

Após inúmeras tentartivas de receber o dinheiro, o hospital acionou o departamento jurídico para efetuar a cobrança na Justiça, só que até hoje Latino não foi encontrado para ser notificado. Na ocasião, ele informou o endereço de São Paulo, mas mora atualmente no Rio.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas