Limpa no elenco: Bahia afasta Ruiz, Galdezani e Thonny Anderson

e.c. bahia
20.10.2021, 10:30:00
Atualizado: 20.10.2021, 10:31:17
Oscar Ruiz não empolgou no Bahia e foi afastado do elenco; ele tem contrato até 2023 (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Limpa no elenco: Bahia afasta Ruiz, Galdezani e Thonny Anderson

Fora dos planos, jogadores passaram a treinar com o time sub-23

Depois de abrir negociação para rescindir o contrato com o zagueiro Lucas Fonseca, o Bahia segue reduzindo o seu elenco. O tricolor afastou do grupo os volantes Matheus Galdezani e Pablo e os atacantes Thonny Anderson e Oscar Ruiz. A informação foi publicada inicialmente pelo Bahia Notícias e confirmada pelo CORREIO. 

O afastamento dos jogadores teria sido uma medida tomada pelo técnico Guto Ferreira, que não conta com as peças para a sequência da temporada. O quarteto não participou dos treinos na terça-feira (19), durante a reapresentação, nem da atividade desta quarta-feira (20). 

Em contato com o CORREIO, o Bahia, através da assessoria de comunicação, não confirmou o afastamento dos jogadores, mas explicou que os atletas estão realizando atividades individualizadas com o grupo sub-23 e podem ser requisitados para o time de cima caso a comissão técnica deseje. 

Dos quatro jogadores, o caso mais preocupante para o Bahia é o de Oscar Ruiz. O paraguaio foi contratado no início da temporada junto ao Cerro Porteño e assinou contrato até o fim de 2023. No acordo, o Bahia investiu cerca de R$ 2 milhões. 

Ruiz deixou boa impressão na estreia ao marcar o gol no primeiro toque na bola no triunfo sobre o ABC, por 2x1, pela Copa do Nordeste. O bom momento, no entanto, parou por aí. O jogador não conseguiu corresponder nos 33 jogos que fez com a camisa tricolor e vinha sendo bastante questionado pela torcida. 

Já os outros três jogadores estão no Bahia por empréstimo e seus contratos se encerram em dezembro. Matheus Galdezani pertence ao Coritiba e fez 25 partidas e deu uma assistência. A última vez que ele esteve em campo foi na derrota para o Internacional. 

Já o atacante Thonny Anderson, que tem os direitos ligados ao Red Bull Bragantino, disputou 22 jogos pelo Esquadrão, marcou um gol e deu duas assistências. O volante Pablo foi quem teve menos chances na equipe principal. Contratado como destaque do Vila Nova, ele passou a maior parte do tempo integrado ao time sub-23. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas