Marcela, do BBB20, é acusada de racismo: 'chamaria o Babu para limpar a cozinha'

em alta
04.03.2020, 16:28:05
Atualizado: 04.03.2020, 18:11:54

Marcela, do BBB20, é acusada de racismo: 'chamaria o Babu para limpar a cozinha'

Ator já tinha comentado sobre olhar de médica e comparou ao de ex-patroa: 'trauma'

Foto: Reprodução

Antes uma das participantes mais admiradas do Big Brother Brasil 20, Marcela está vendo sua popularidade ruir após algumas atitudes e falas controversas. A última foi um comentário considerado racista sobre a participação do ator Babu Santana, que é negro, no grupo 'VIP' do confinamento.

Após passar a primeira semana do programa no VIP, Babu pediu para ir para a Xepa por não saber viver em uma posição “de privilégio”. Desde então, o ator não mudou de grupo e chegou a comentar que já tinha identificado na médica um olhar semelhante ao de uma ex-patroa.  "Marcela me olha do jeito que minha patroa me olhava. Tenho trauma desse olhar", comentou Babu numa conversa com Thelma, na qual justifica sua falta de sintonia com Marcela e outras participantes (assista mais abaixo).

Marcela disse, em uma conversa na cozinha com o restante do VIP, que até consideraria trazer Babu para o grupo dos privilegiados: “Se a convivência não fosse tão difícil, eu tiraria ele da Xepa por respeito, por ficar lá há tanto tempo”, disse, ganhando o apoio de Flayslane.

“Traria ele para cá para arrumar a cozinha todo dia… O povo não quis”, disse a médica, rindo. A fala foi muito criticada nas redes sociais, que apontaram racismo no teor. No início da noite desta quarta-feira (4), a expressão "BABU NÃO É ESCRAVO" estava entre os temais mais comentados no Twitter (Trending Topics).

Marcela ainda comentou, também aos risos: “Ou a gente coloca no Paredão, daí ele sai e pode comer o que quiser”, e logo em seguida completou: “Não é tão brincadeira assim”. Confira:

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas