Marinha abre 1 mil vagas para nível médio

concursos
01.02.2018, 21:12:00
Atualizado: 01.02.2018, 21:14:40
(Foto: Divulgação)

Marinha abre 1 mil vagas para nível médio

Candidatos devem ter entre 18 e 22 anos

A Marinha do Brasil abre inscrições nesta sexta-feira (2) as inscrições para o Concurso Público de Admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM/2018). São 1 mil vagas e o candidato, além de outros requisitos, deve ser brasileiro, do sexo masculino, possuir o Ensino Médio, ter 18 anos completos e menos de 22 no dia 1º de janeiro de 2019.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 40. Os candidatos farão uma prova escrita objetiva e os classificados nesta primeira fase participarão ainda de etapas, com caráter eliminatório, como inspeção de saúde e teste de aptidão física. Aprovados em todas as fases do concurso, os candidatos realizarão a formação militar em uma das quatro Escolas de Aprendizes-Marinheiros, que ficam em Fortaleza (CE), Recife (PE), Vitória (ES) e Florianópolis (SC).

O curso de formação de Marinheiros tem a duração de 48 semanas, em regime de internato. Nesse período, os jovens recebem alimentação, alojamento, ajuda para aquisição de uniformes, assistência médico-odontológica e remuneração como grumete. Após o curso e promoção a Marinheiro, terá início o Estágio Inicial(EI), com duração de dois anos, em unidades da Marinha do Brasil.

Os Marinheiros aprovados no EI, plenamente adaptados à carreira naval, permanecerão no Serviço Ativo da Marinha (SAM). Outras informações sobre o concurso estão no edital publicado no site www.ingressonamarinha.mar.mil.br.

SERVIÇO:
Concurso Público de Nível Médio-Escolas de Aprendizes-Marinheiros
Inscrição: 01/02 a 02/03/18
Valor: R$ 40
Informações: www.ingressonamarinha.mar.mil.br ou (71) 3507-3825

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas