Mercado de Trabalho: O home office continuará após a pandemia?

estúdio correio
25.10.2021, 15:00:00
(Foto: Andrea Piacquadio)

Mercado de Trabalho: O home office continuará após a pandemia?

Tendência de trabalho remoto após período pandêmico, tem sido analisada de perto pelas empresas de diversos segmentos em todo o país

Com o início da quarentena em março de 2020, muitas empresas precisaram aderir o home office como medida de segurança contra o novo coronavírus e essa mudança afetou o cotidiano dos executivos e empresários, bem como o de seus funcionários e contribuintes.

A medida trouxe muitas incertezas e instabilidade, gerando dúvidas em relação a qualidade do serviço prestado, às novas formas de monitorar o desempenho dos funcionários, sobre se as condições de trabalho seriam ideais e principalmente, o que deveria ser feito caso a opção não funcionasse.

Vale lembrar que algumas empresas já ofereciam essa flexibilidade, porém, foi durante o período de isolamento social, que o trabalho remoto ganhou mais força dentro das organizações.

A Salesforce, empresa americana de software, realizou em outubro de 2020, uma pesquisa que comprova que o trabalho remoto é uma tendência que chegou para ficar. Mais de 50% dos brasileiros entrevistados afirmam que trocariam de emprego se pudessem trabalhar no modelo home office.

Os prós e os contras do home office

Como qualquer tipo de trabalho, o home office também tem suas vantagens e desvantagens, mas tudo é questão de organização e adaptação. Veja a seguir nossa lista

Prós:

Maior flexibilidade: Um dos principais benefícios que o home office oferece é poder organizar suas tarefas da forma que achar melhor, de acordo com o nível da sua produtividade.

Conforto: Trabalhar da própria casa pode ser muito mais confortável. O ambiente aconchegante é outro ponto positivo oferecido por esse modelo de trabalho, assim como o dress code. Muitas pessoas trocaram o uniforme ou roupa formal, por looks mais confortáveis.

Economia: Empregador e empregados saem ganhando nesse ponto. Gastos como alimentação, manutenção, transporte, entre outros, podem ser reduzidos eficientemente.

Qualidade de vida: Poder conciliar suas atividades do trabalho com as pessoais, estar perto da família ou bichinho de estimação, não precisar enfrentar mais trânsito ou transporte públicos lotados melhoram o humor e qualidade de vida do funcionário.

Contras:

Distrações: É preciso se policiar para não se distrair com tv, redes sociais, conversas paralelas, lanchinhos a todo momento. Sem a supervisão contratante, essas distrações tendem a aumentar e isso pode prejudicar o desempenho do trabalho realizado.

Menor socialização: A falta de contato com outros funcionários pode interferir no desenvolvimento pessoal e profissional. Seja para tirar aquela dúvida ou almoçar com os colegas, o contato pessoal diário faz falta.

Ambiente inadequado: Nem todo funcionário possui um escritório em casa. Nesse caso, improvisar é a solução, por exemplo, quando a empresa não oferece os equipamentos adequados para o home office. Mesmo que seja necessário a compra de um notebook usado, mesas de escritório de segunda mão e cadeiras ergonômicas, é importante investir em um espaço específico para o trabalho dentro de casa.

Modelo Híbrido em prática

As organizações que vão continuar com home office após a pandemia, apostam também no modelo híbrido e o utilizam de diferentes formas.

Uma delas é fazer um rodízio, quando os funcionários trabalham uma semana em casa e na seguinte no local da empresa ou então comparecer à companhia apenas em reuniões periódicas.

É bem provável que este modelo híbrido seja aderido em maior escala pelas empresas. O que se sabe é que o mercado de trabalho sofreu uma alteração permanente após a pandemia de Covid 19 e tende a estar cada vez mais presente nas residências.

Dica para render no home office

Sabendo que eventualmente haverá a necessidade de trabalhar em casa mesmo após a estabilização do vírus, é importante

se atentar em algumas dicas para se manter produtivo. Mantenha a rotina e estipule prazos para a entrega do trabalho. Constância e resiliência são cruciais para um bom desempenho.

Fonte: https://folhadirigida.com.br/mais/noticias/mercado/mundo-pos-pandemia-ambientes-ho me-office-futuro

Este conteúdo não reflete, nem total e nem parcialmente, a opinião do Jornal Correio e é de inteira responsabilidade do autor.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas