Missa de Natal das Obras Sociais Irmã Dulce reúne pacientes, funcionários e voluntários

salvador
21.12.2021, 12:55:00
(Arisson Marinho/CORREIO)

Missa de Natal das Obras Sociais Irmã Dulce reúne pacientes, funcionários e voluntários

Celebração serviu para agradecer a manutenção e ampliação das obras no segundo ano de pandemia

Pacientes, funcionários e voluntários se reuniram nesta terça-feira (21), nos Dendezeiros, para participar da missa de Natal das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) que é tradicionalmente celebrada todos os anos. 

Uma reunião que colocou quem ajuda e quem é ajudado em uma mesa sintonia: de agradecimento por um ano em que a Osid conseguiu manter e ampliar sua assistência aos que mais precisam.

Paciente da Osid há sete anos tratando um problema na perna, José Roque de Cerqueira, 58 anos, nunca perdeu uma missa de Natal das obras. Neste ano, não foi diferente. Antes de ir à fisioterapia, deu um pulinho no santuário para agradecer. 

"Eu sou paciente há muito tempo, tive um problema de gota e sempre fui amparado pela Osid, mesmo com a pandemia. A minha presença aqui é sempre símbolo da minha gratidão, que é imensa", fala José.

Fisioterapeuta da casa, Leandro Trindade, 37, também sempre comparece para expressar gratidão pelo trabalho que é feito na Osid. "Esse é o segundo ano de pandemia, que também foi muito difícil. Por isso mesmo, venho pra agradecer pela minha e pela vida de todos aqui, além de pedir proteção pelo que vem pela frente", conta.

A missa foi presidida pelo Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, cardeal Dom Sergio da Rocha, que falou sobre a relevância da celebração e da instituição.

"Estamos aqui reunidos para agradecer a manutenção das obras e expressar gratidão a todos que, de alguma maneira, ajudam a mantê-la. Santa Dulce é um estímulo a cuidar dos enfermos e dos mais pobres, o que a Osid faz", pontua.

A celebração seguiu os protocolos de segurança contra a covid-19, manteve a obrigatoriedade do uso de máscaras, bem como o distanciamento físico e redução na capacidade de acomodação.

(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas