Mulher vende máscaras com pênis desenhados e arrecada R$ 260 mil para a caridade

coronavírus
15.04.2020, 08:30:52
Atualizado: 15.04.2020, 08:48:35
(Foto: Reprodução)

Mulher vende máscaras com pênis desenhados e arrecada R$ 260 mil para a caridade

Item criado por americana tem efeito prático: caso a pessoa consiga ver o desenho, significa que ela está próxima demais e precisa se afastar

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Inovadora, uma terapeuta do estado de Utah, nos Estados Unidos, criou uma máscara com alguns pênis fofos desenhados nela para se proteger do coronavírus. O item de saúde viralizou e as genitálias desenhados mostraram ter um efeito prático.

"Minhas máscaras chegaram! Contemplem! Eu vesti essa daqui hoje para ir ao Wallmart e Petco [rede de petshop]. Quando alguém me diz que a minha máscara tem pênis desenhados nela, eu irei gentilmente informá-las que é maneira que encontrei para determinar se uma pessoa está perto de mais. Gentilmente, digo: 'saia daqui, p****", escreveu no Twitter. 

A publicação teve centenas de compartilhamentos e curtidas apenas no perfil da criadora. Em outras páginas, o alcance foi ainda maior. Em entrevista para o Universa, Mindy Vicent disse que está há um mês em isolamenteo social com a filha de 10 e o filho de 19. A saída é só para ir ao supermercado. Os dois filhos também ganharam as máscaras. 

"A parte interna da máscara é preta, então eles não precisam usar a mascara com pênis caso não queiram", brinca, apesar de que, neste cenário, os desenhos ficariam em contato direto com a boca dos filhos, mas tudo bem.

Mindy é fundadora de uma organização de redução de danos que ajuda populações vulneráveis que são vítimas do uso excessivo de drogas em Utah. Com o sucesso, as máscaras foram revendidas para acumular dinheiro para a associação. 

Segundo ela, até agora foram arrecadados 50 mil dólares, equivalente a cerca de 260 mil reais. A associação também vai doar máscaras — não a de pênis — para pessoas em situação de rua.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas