Navio atracado no Porto de Santos tem 80 casos confirmados de covid-19

coronavírus
04.05.2020, 19:28:00
Atualizado: 04.05.2020, 19:28:31
O MSC Seaview tem 80 tripulantes diagnosticados com covid-19 (Foto: Reprodução/Instagram @msc_seaview)

Navio atracado no Porto de Santos tem 80 casos confirmados de covid-19

MSC Seaview ainda possui outros 30 suspeitas de coronavírus

O navio MSC Seaview, que está atracado no Porto de Santos, no litoral paulista, tem 80 tripulantes a bordo com o novo coronavírus. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (4) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Há ainda outras 30 pessoas que aguardam o resultado dos testes.

Segundo o G1, os dados fazem parte do relatório de saúde da embarcação, que é enviado diariamente para a Anvisa. Os exames laboratoriais e de testes rápidos foram custeados pela empresa MSC.

O navio está em quarentena desde a última quinta-feira (30), após 10 pessoas apresentarem resultado positivo para a covid-19 em testes rápidos. Os diagnósticos foram dados após exames feitos nos últimos dias.

Há 615 tripulantes que permanecem no cruzeiro, que terá que seguir protocolo de isolamento até 14 de maio. Os passageiros foram desembarcados no dia 19 de março, quando o navio foi fundeado no Porto de Santos.

O local, aliás, tem três embarcações em quarentena. Além do MSC Seaview, há ainda o cargueiro Bárbara e o cruzeiro MSC Musica. Segundo a Anvisa, os tripulantes dos três navios estão em bom estado de saúde e não houve pedidos de desembarque para atendimento de emergência. O Costa Fascinosa e o graneleiro Saldanha, que também cumpriram quarentena, já foram liberados.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas