Negacionista que abriu mão de máscara de oxigênio morre de Covid-19

mundo
26.01.2022, 13:41:00
(Reprodução/Facebook)

Negacionista que abriu mão de máscara de oxigênio morre de Covid-19

Luigi Cossellu retirou a máscara em desafio aos médicos

Um negacionista e antivacina italiano morreu em decorrência do coronavírus, após retirar a máscara de oxigênio do hospital, insistindo que não tinha Covid-19. Segundo a mídia local, Luigi Cossellu, de 28 anos, da província costeira de Terracina, negou a existência de coronavírus e se recusou a ser vacinado.

Ele foi internado no Hospital Santa Maria Goretti, em Latina, ao sul de Roma, em 16 de janeiro. Cossellu foi diagnosticado com insuficiência respiratória aguda e foi transferido para uma unidade de terapia intensiva.

Lá, ele recebeu uma máscara de oxigênio, que arrancou em desafio, questionando o diagnóstico da equipe médica. Também alegou que não estava infectado pelo coronavírus.

Após relutância, o paciente colocou a máscara de volta, mas a condição de saúde já tinha piorado. Ele acabou morrendo.

O pai de Cossellu, de 55 anos, também contrário à vacina, está sendo tratado de Covid-19 no mesmo hospital e está intubado.

A Azienda Sanitaria Locale de Latina, órgão de saúde do país, informou que moradores da região frequentemente chegam ao hospital com sintomas graves, depois que o vírus já progrediu. "Eles já são graves porque por sua parte há negação da doença", declarou Silvia Cavalli, diretora-geral do órgão de Saúde, ao jornal "Il Gazzettino".

Desde o início da pandemia, a Itália registrou mais de 10 milhões de casos de Covid-19, com 144 mil mortes, de acordo com os números oficiais.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas