O calendário de 2020 na ótica do futebol baiano

herbem gramacho
09.01.2020, 05:00:00

O calendário de 2020 na ótica do futebol baiano


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Janeiro e fevereiro: dois meses em um só porque, afinal de contas, no Verão baiano o sol literalmente nasce para todos e sobra pouco espaço na mente para lembrar da primeira fase do Campeonato Baiano e da Copa do Nordeste, ainda mais com Bahia e Vitória esvaziando o estadual com seus times sub-23. O bimestre servirá para o torcedor conhecer as caras novas de cada elenco, sem compromisso. Dois Ba-Vis acontecerão no período: dia 8 de fevereiro, na Fonte Nova, pela Copa do Nordeste, e 1º de março, no Barradão, pelo Baiano.

Março: todo Carnaval tem seu fim e o deste ano será no dia 26 de fevereiro. Logo, o mês é para muita gente o pontapé inicial do futebol em 2020. Estadual e regional ainda estarão na primeira fase, porém já definirão os classificados para os mata-matas, o que torna o cenário atraente. No Baiano, a possibilidade de repetição de uma surpresa como foi o Bahia de Feira em 2019 é considerável, já que a dupla Ba-Vi usará time sub-23. Olho no Jacobina, pois as equipes treinadas por Arnaldo Lira sempre fazem bonito.

Abril: mês de decisão no Campeonato Baiano, cujo campeão será conhecido no dia 26, e também na Copa do Nordeste, que terá o jogo de ida da final no dia 22 e o de volta no dia 6 do mês seguinte. Se tudo correr bem para a dupla Ba-Vi até março, aqui haverá o primeiro grande marco do ano, capaz de interferir na montagem do elenco para o restante da temporada.

Maio: início da Série B para o Vitória no dia 2. No dia seguinte, a Série A começa para o Bahia e a Série C para o Jacuipense. A Série D inicia para Bahia de Feira, Atlético de Alagoinhas e Vitória da Conquista no dia 24. Maio é quando os erros e limitações dos quatro meses anteriores começam realmente a incomodar se persistirem, porque as consequências a longo prazo são mais graves. É quando, em caso de fracasso no campo, não adianta mais pedir paciência ao torcedor, que espera ação. É quando também os times costumam abrir um segundo ciclo de contratações na temporada, após o fim dos estaduais.

Junho e julho: período de Copa América, Eurocopa, mas o Brasileirão não está nem aí. Na Série A, o desafio do Bahia será tentar subir mais um degrau após ter perseguido a vaga na Libertadores até a penúltima rodada em 2019. No entanto, uma perspectiva pé no chão aponta o tricolor mais uma vez como candidato ao pelotão da Copa Sul-Americana. Já o Vitória, que inicia 2020 com uma reformulação de elenco, é difícil projetar aonde pode chegar. Teoricamente, terá como principais rivais pelo acesso Cruzeiro, Avaí, Chapecoense e América-MG. A dúvida é se o Leão vai embalar e finalmente brigar por G4, depois de percorrer 2019 no canto oposto da tabela.

Agosto: é o mês da virada. O primeiro turno da Série B termina no dia 9 e o da Série A no dia 16. Com 50% do Campeonato Brasileiro disputado e mais a bagagem das competições do primeiro semestre, rubro-negros e tricolores terão a essa altura uma noção do que esperar de seus times na metade final do Brasileirão.

Setembro e outubro: sai o campeão da Copa do Brasil em setembro e aumenta a euforia em torno de um possível G7 na Série A. O período também é de definição para Jacuipense, pois termina a fase classificatória da Série C, que parte para o mata-mata do acesso, com o jogo de ida no dia 27 e o de volta no dia 3 de outubro.

Novembro e dezembro: final da Sul-Americana e da Libertadores, definição de possível G7, G8 ou até G9 no Brasileirão e fim da temporada. A Série B termina em 28 de novembro e a primeira divisão vai até 6 de dezembro.

Herbem Gramacho é editor de Esporte.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/historia-e-solidariedade-marcam-a-primeira-live-do-bloco-ile-aiye/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moda-comunica-mais-que-tendencias/
Representatividade  é o tema desse editorial fotografado e protagonizado por jovens negros
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-sofrencia-musicas-de-arrocha-foram-as-mais-ouvidas-pelos-baianos-na-quarentena/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bisneta-de-mae-senhora-inspira-baiana-azul-de-amaralina-conheca-cida-de-nana/
Bel Borba a contratou como modelo para monumento às baianas sem saber de ascendência, que inclui Mestre Didi e uma das fundadoras da 1ª casa de candomblé
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/devo-ou-nao-devo-usar-mascara-na-atividade-fisica-eis-a-polemica-precos-chegam-a-r-120/
Tire suas dúvidas e confira 10 máscaras esportivas disponíveis no mercado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bau-do-marrom-o-dia-que-daniela-mercury-superou-britney-spears-em-portugal/
Durante a apresentação de Daniela Mercury no Rock in Rio Lisboa em 2004 falei até na TV portuguesa sobre Daniela
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/em-quarentena-anitta-lanca-clipe-para-tocame-com-gui-araujo-assista/
Vídeo traz fãs dançando em casa; é a primeira vez que funkeira contracena com namorado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/secretario-do-ministerio-da-saude-destrata-garcom-em-transmissao-ao-vivo-sai-dai/
Élcio Franco falava em medidas de segurança para reabertura da economia quando se incomodou com presença de servidor
Ler Mais