O esporte transforma vidas

artigo
14.09.2021, 05:42:00
Atualizado: 14.09.2021, 07:54:01

O esporte transforma vidas

O meu amor por esportes se confunde com a minha existência. Desde menino, sou um verdadeiro apaixonado por futebol e, quando jovem, tive a maior alegria de ter feito parte do elenco das equipes baianas do Leônico, Esporte Clube Bahia e Vitória. Como tricolor apaixonado que sou, ter feito parte da ascensão do Bahia em seu heptacampeonato foi um verdadeiro sonho. Mas findada essa fase no futebol profissional, o esporte continuava vivo e deveria fazer parte da minha vida. Foi assim que me formei em Educação Física e passei a dar aulas nas escolas da rede pública estadual. 

Apaixonado pela sala de aula, com um olhar sensível aos meus alunos ao ver de perto a transformação que o esporte promove na vida de jovens e crianças, com as influências políticas correndo na veia, seguindo o exemplo do meu tio, o ex-prefeito de Salvador Virgildásio Senna, e do meu pai, Virdálio de Senna, ex-vereador em Nazaré das Farinhas, decidi trilhar na vida pública, defendendo uma das coisas que mais amo: o esporte. Desde quando me tornei vereador no primeiro mandato, em 2001, tenho elaborado diversos projetos na Câmara Municipal de Salvador voltados para ações que eduquem por meio do esporte, com o intuito de permitir que a juventude tenha a oportunidade de praticar atividades socializantes, bem como de reconhecer e valorizar os profissionais de Educação Física e também ex-atletas profissionais que se destacaram em tempos áureos e hoje passam por uma série de dificuldades. 

Os mecanismos e objetivos de se praticar esportes podem ser variados e, por isso, o poder público precisa estar preparado para propiciar todos eles. De um lado, temos as escolinhas de futebol nos bairros, que contribuem para a socialização de crianças e o afastamento delas do mundo das drogas, podendo também revelar grandes talentos. Temos as aulas de educação física nas escolas, que propiciam o desenvolvimento do corpo, da mente e da saúde, e também temos a vertente da formação esportiva profissional, que é quando o atleta treina para nos representar nas competições esportivas oficiais, como a Copa do Mundo e a Olimpíada. Como bem disse Agda Correia Silva em seu artigo “Arigatô Tóquio 2020”, publicado recentemente em um site esportivo local, foi uma experiência maravilhosa assistir aos Jogos de Tóquio 2020 e poder observar o espetáculo dos nossos atletas, em especial dos baianos, nessa grande competição, quando ela ressalta a importância de se investir mais nos nossos atletas. 

Vimos o gigante baiano Isaquias Queiroz brilhar e conquistar o ouro na canoagem, mostrando o porquê de ser considerado o melhor da modalidade. Vimos o foguete aquático Ana Marcela Cunha, de Salvador, que fez uma prova impecável e também levou o ouro, além dos nossos outros representantes soteropolitanos do boxe, Hebert Conceição, que também é ouro, e Bia Ferreira, que conquistou a prata na modalidade.

Como diretor de Esportes no primeiro mandato do prefeito ACM Neto, de 2013 a 2016, vi o crescimento dessa área na Prefeitura de Salvador e sei da importância de se ter uma secretaria própria para dar mais autonomia e direcionar recursos que ampliem e fortaleçam as atividades esportivas em nossa cidade. Todos os avanços conquistados nos últimos oito anos ampliam a necessidade de consolidar e expandir esse legado, como a reforma e construção de centenas de quadras, campos e ginásios de esportes, o aumento da prática de ciclismo com diversas pistas, além da arena aquática, a Maratona Salvador, entre tantos outros.

E é nesse sentido que, através de um projeto de indicação apresentado recentemente à Câmara Municipal e direcionado ao prefeito Bruno Reis, que indico a criação da Secretaria Municipal de Esportes de Salvador. Tenho dito: o esporte transforma vidas e, por isso, temos o compromisso de ser agentes dessa transformação.

Téo Senna é vereador e membro da Comissão de Educação, Esporte e Lazer da Câmara Municipal.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas