Oeste pode ter hidrelétrica com energia para 200 mil pessoas

donaldson gomes
29.10.2021, 05:00:00

Oeste pode ter hidrelétrica com energia para 200 mil pessoas

Luz no Oeste
A Hy Brazil recebeu autorização da Aneel para a implantação de uma usina hidrelétrica no  Oeste da Bahia. O Projeto UHE Veredas tem potencial para gerar 37 MW de energia e deve resultar num investimento de R$ 300 milhões, além da geração de 400 empregos. Atualmente em fase de licenciamento ambiental, a usina terá capacidade de fornecer energia para até 200 mil pessoas, o que equivale ao dobro de toda a população de cidades como Coribe, Jaborandi, São Félix de Coribe, Santa Maria da Vitória e Correntina. O investimento já seria importante num contexto de normalidade, uma vez que o Oeste demanda mais energia faz tempo. Mais ainda no momento em que o Brasil vive uma crise, sentida nos bolsos de todos os brasileiros.  “No atual contexto de escassez hídrica a chegada de um empreendimento do porte da UHE Veredas contribuirá para diminuir o deficit energético na região e no Estado, bem como irá colaborar com o fornecimento de energia do Brasil como um todo”, destaca Davi Schulmann Miguens, coordenador de desenvolvimento de projetos da Hy Brazil Energia.

Impacto local
Além do investimento na obra, a previsão é que a companhia invista em um projeto de desenvolvimento territorial sustentável no Oeste, por meio de programas socioambientais baseados no estímulo ao fortalecimento das cadeias produtivas de Coribe e Jaborandi, que abrigarão a UHE Veredas. “Estão sendo analisadas opções para dinamizar o turismo e lazer, a atividade leiteira, a piscicultura, dentre outros”, explica Miguens. Além dos empregos e do investimento social, o projeto deve promover reflexos importantes na dinamização da economia, com pagamento de royalties aos municípios, melhorias em estradas e acessos. “Estamos falando de 10, 20 anos ou mais que os gestores municipais terão uma fonte de receita adicional que poderá ser revertida em melhorias para o aparelho público como escolas, hospitais, estradas, dentre outros”, pontua o executivo.

Perspectiva geral da UHE Veredas, com a concepção padrão de uma usina a fio d'água, que reduz o tamanho do reservatório

Modelo
A UHE Veredas será construída em uma área de 316 hectares e terá como principais estruturas casa de força, a chaminé de equilíbrio, o túnel de adução, a tomada d’água, a barragem de argila compactada, o dique de fechamento e uma subestação, que será interligada à rede da Coelba. De acordo com a Hy Brazil, o Rio Formoso foi escolhido para abrigar a usina devido às suas características e o projeto foi pensado “respeitando o meio ambiente e todos os públicos envolvidos com as atividades do rio”. 

Energia limpa
A Solar Coca-Cola e seus distribuidores iniciaram em outubro a operação das primeiras usinas solares nas cidades de Barra do Corda (MA) e Palmares (PE). Além delas, mais cinco plantas estão em construção nos estados da Bahia, Ceará e Maranhão. Ao todo, mais de 700 painéis de 370W e 450W serão utilizados para gerar energia limpa. Na Bahia, a unidade será instalada em Barreiras e deve ser inaugurada em 2022. As usinas terão potência instalada de mais de 361 kWp (kilowatt pico), o suficiente para abastecimento próprio.

Parceria 
A Carozo DesenvoIvimento Imobiliário vai ampliar a parceria com a plataforma de moradia por assinatura Housi de São Paulo. As atuaram juntas no Porto Privilege by Housi, no Porto da Barra. A Carozo vai promover para a Housi a prospecção de novos negócios e a busca de parceiros interessados em oferecer produtos inovadores. O foco é aproveitar o reaquecimento da economia e do mercado imobiliário baiano, especialmente no segmento de locações, que registrou alta de 167% no último trimestre, em relação ao período anterior. 

Novidades no mix
O Salvador Shopping ganhou novas lojas em outubro: uma nova clínica, uma unidade da Botocare (estética), Miniso (variedades) e Nação Rubro Negra (artigo esportivo). E, até o fim da semana, a Pernambucanas (variedades) vai abrir. Até o Réveillon, estão previstos pelo menos outros dez lançamentos, com destaque para a Carter’s (vestuário infantil). 

Fatia nordestina 
A Domino’s Pizza, maior rede de pizzarias do mundo, aposta em novos modelos de franquias na região Nordeste. Um dos principais cases da empresa está em Pernambuco, no aeroporto de Recife. Além da loja no setor de embarque, que chega a vender R$150 mil por mês, a Domino’s instalou também um carrinho no setor de desembarque, o que fez dobrar o faturamento da unidade.  Ainda com foco na região, a Domino’s está investindo R$10 milhões em 10 lojas próprias, que serão inauguradas ainda esse ano, e em uma nova fábrica em Fortaleza – a segunda da companhia no país.

Expansão 
A Shineray do Brasil, que tem 60% das vendas concentradas no Nordeste, está acelerando a abertura de lojas-conceito na região. Além de inaugurar a segunda operação em Recife (PE) na próxima semana, a montadora de motos, ciclomotores e patinetes terá unidades próprias em Salvador e Fortaleza no início de 2022.

Férias
A coluna entra em recesso no próximo mês e retorna em dezembro. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas