Pai de Saulo confirma que cantor e Gabi Brant se separaram: 'Estamos inconformados'

variedades
01.03.2020, 12:25:00
Atualizado: 01.03.2020, 12:40:21

Pai de Saulo confirma que cantor e Gabi Brant se separaram: 'Estamos inconformados'

Gabi e Saulo Pôncio se casaram em 2018 e, desde então, há boatos de traições

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Depois de muita especulação, a separação da digital influencer Gabi Brandt e do cantor Saulo Pôncio foi confirmada neste domingo (1). A infomação foi divulgada pela página do Instagram Gossip do Dia, que publicou uma resposta do pastor Márcio Pôncio, pai de Saulo, confirmando a suspeita. 

"Gabi e Saulo são jovens, são pessoas como vocês dizem: subcelebridades. casaram-se muito cedo, a fim de esquecerem seu passado, ao invés de construir um futuro familiar. Mas agora já foi", escreveu o pastor, que também é pai da influencer Sarah Pôncio, ao Gossip do Dia.

Marcio afirmou, ainda, que espera que os dois superem o que chamou de "crise no casamento". "É o que espero e torço. No momento, Saulo está meio perdido, não podemos cobrar coisa de alguém que está perdido. Estamos todos da família inconformados, porém estamos dando tempo ao tempo, pois tempo é o melhor remédio no momento", continuou. 

Gabi e Saulo se casaram em 2018. Ela deu à luz a um menino, Davi, em 2019. "Gabi está bem, estamos cuidando dela com todo cuidado que ela merece. Ela é mãe do meu neto e teremos um vínculo eternamente. Hoje a tenho como uma filha e vamos fazer de tudo para que ela seja muito feliz, quer seja com Saulo ou não", completou o pastor.

Traições
Desde que Saulo e Gabi se casaram, supostas traições cometidas pelo cantor são expostas. Em agosto de 2019, houve uma onda de boatos depois que um funcionário de um hotel afirmou que Saulo recebeu garotas no quarto durante uma viagem.

No final do ano, Saulo chegou a ser filmado em clima íntimo em uma festa em Búzios, no Rio de Janeiro. No vídeo, Saulo coloca a mão no bumbum de uma jovem. 

Em janeiro deste ano, o pastor Márcio já tinha repudiado as atitudes do filho. "Acho que ele passou de todos os limites. Tudo o que foi mostrado já nos basta para concluir o ser humano fraco, pequeno e desprezível que ele está sendo no momento", afirmou, na época.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas