Pequena Lo é impedida de embarcar em voo com ‘motinha’ de locomoção

em alta
03.12.2021, 23:02:00
(Reprodução/Redes Sociais )

Pequena Lo é impedida de embarcar em voo com ‘motinha’ de locomoção

Funcionários da companhia aérea Azul questionaram se o veículo da influencer poderia ou não ser transportado

A influenciadora digital Lorrane Silva, conhecida como  Pequena Lo, utilizou sua conta no Instagram para relatar aos seus mais de quatro milhões de seguidores uma situação vivida no Aeroporto Santos Dummont, no Rio de Janeiro,  nesta sexta-feira (3). Ela foi impedida de embarcar em um voo com destino a São Paulo por conta de sua scooter, ou ‘motinha’ de locomoção como apelidou. 

Funcionários da companhia aérea Azul questionaram se o veículo da influencer poderia ou não ser transportado. Pequena Lo possui deficiência nos membros inferiores e utiliza o equipamento para se locomover. A discussão fez a influencer desistir do voo.  

"Tentaram colocar mil e trezentos defeitos na motinho, falando que eu não poderia embarcar por causa da bateria a gel. Vocês sabem, vocês me acompanham aqui, que eu viajo direto, principalmente São Paulo e Rio de Janeiro. Gente, eu fiquei muito chateada. Eu estou ainda!", contou.

Pequena Lo disse ter se sentido humilhada pela equipe da Azul. Em um relato em vídeo, ela contou que a mãe, que a acompanhava, pediu desculpas a todos os outros passageiros do avião.

"Eu me senti humilhada porque tinham mais de cem pessoas no avião. Eu e minha mãe. Minha mãe levantou. Eu falei que não queria mais voar nesse avião porque atrasou o voo em uma hora. Atrasou os compromissos que eu tinha em São Paulo. Atrasou mais de cem pessoas que estavam ali. Minha mãe levantou, mesmo se sentindo ofendida, passando por essa situação ridícula, e pediu desculpas a todas as pessoas."

Em nota, a Azul disse reconhecer que "houve um erro ao solicitar a documentação do modelo de bateria da scooter adaptada da cliente em questão".

A companhia aérea pediu "desculpas pelos transtornos causados", e informou que a cliente "foi reacomodada no voo seguinte". A Azul também reforçou que "aplicará novos treinamentos em sua tripulação para que situações como essa não voltem a se repetir".

Nesta sexta é comemorado o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas