Pista principal do Aeroporto de Salvador é interditada

salvador
26.11.2019, 19:26:00
Atualizado: 26.11.2019, 20:24:36

Pista principal do Aeroporto de Salvador é interditada

Sistema de iluminação teve problema que, a princípio, está ligado à chuva

A pista principal do Aeroporto de Salvador foi fechada às 18h26 desta terça-feira (26). Segundo o Salvador Bahia Airports, parte do circuito de iluminação apresentou problema de intermitência e teve que ser desligado para que a falha seja identificada e corrigida. Uma avaliação inicial dos técnicos aponta que esse problema pode ter ligação com a forte chuva que caiu em Salvador hoje.

As companhias aéreas e autoridades da aviação civil foram avisadas da ocorrência antes do começo do procedimento na pista principal. A orientação para os passageiros é que chequem o status dos voos com as companhias antes de seguir para o aeroporto.

"A equipe técnica local está mobilizada para liberar a pista o mais rápido possível para que as operações retornem com segurança", diz a nota.

A pista auxiliar de pouso e decolagem está operando normalmente, como alternativa para voos de parte das aeronaves de médio porte, caso da maioria dos voos domésticos.

O voo 1572 da Gol, que vinha de Congonhas (São Paulo), foi um dos que não conseguiram posar em Salvador. O avião foi desviado para Aracaju por conta do problema de balizamento das luzes. A companhia deu como alternativa aos passageiros retornar na aeronave para São Paulo, ficar em um hotel e aguardar um voo amanhã para vir a Salvador.

Voos cancelados
Cinco voos foram cancelados por conta da chuva que está caindo em Salvador, deste a madrugada desta terça-feira (26). O número de viagens atrasadas ainda está sendo contabilizado. Pela manhã, quatro aeronaves que pousariam no Aeroporto Internacional Luís Eduardo Magalhães tiveram que desviar a rota e procurar outro terminal.

Segundo a Vinci, concessionária que administra o aeroporto, dos cinco voos cancelados apenas um estava saindo de Salvador. O Passaredo 2207 tinha como destino Barreiras, no Oeste do Estado, de deveria ter decolado às 9h30, o que não aconteceu. Os outros quatro voos cancelados até as 17h30 estavam vindo para a capital baiana.

Dois eram da companhia Azul. O 2810 vinha de Guarulhos, às 8h20, e o 2743, deveria ter deixado Ilhéus às 11h45. Os outros dois são da companhia Passaredo. O 2208 tinha como origem Barreiras, às 14h15, e o 2241, estava vindo de Vitória da Conquista, às 08h55.

À noite, o voo 1572 da Gol, que saiu de Congonhas com destino a Salvador, foi desviado para Aracaju, onde pousou às 18h40, por conta do mal tempo. De acordo com um passageiro, o comandante informou que vai reabastecer e aguardar a autorização para partir em direção a capital baiana. 

Chuva continua na quinta
A Defesa Civil de Salvador (Codesal) emitiu alerta máximo com a chegada das fortes chuvas na capital baiana nesta terça-feira (26). Decorrente de uma frente fria vinda da região Sudeste, as chuvas devem continuar de maneira fraca e moderada durante o dia e prosseguir até quinta (28). A situação pode ocasionar alagamentos e possíveis deslizamentos de terra em toda a cidade.

Nas últimas 72 horas, bairros de Salvador como o Retiro e a Liberdade chegaram a acumular 54 mm de chuva. Na última hora, Ondina e Pituba acumularam 10,8 e 8,4 mm. Os registros são do Centro de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil (Cemadec) de Salvador.

(Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

Cumprindo o que rege o Plano de Proteção e Defesa Civil (PPDC), a Codesal acionou as sirenes da Baixa de Santa Rita, do Calabetão, do Bom Juá, da Vila Picasso, da Voluntários da Pátria e da Baixa do Cacau. Os moradores destas localidades deverão se deslocar de suas casas até os locais determinados pelo órgão.

As sirenes são acionadas quando o volume de chuvas acumulado em determinada região ultrapassa a 150 mm, como determina o protocolo do PPDC. O diretor geral da Codesal, Sosthenes Macêdo, pede aos moradores que, com o acionamento das sirenes, saiam de suas casas e se dirijam para os pontos de apoio de modo a "garantir o nosso bem maior, o bem da vida".

 Até as 11h desta terça-feira (26), a Codesal registrou 128 ocorrências. Foram oito alagamentos de área, 42 alagamentos de imóveis, sete ameças de desabamento, 13 ameaças de deslizamento, duas árvores caídas, três desabamentos de imóveis, sete deslizamentos de muro, quatro desabamentos parciais, 40 deslizamentos de terra, um destelhamento de imóvel, uma infiltração. 

Os chamados de emergência e deslizamento de terra deverão ser feitos através do Disque Codesal 199.



Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cronicas-do-guerreiro-dia-3-a-praca-do-povo/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cronicas-do-guerreiro-dia-2-a-fuga-do-deposito/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/neymar-sera-desfalque-no-carnaval-2020-dessa-vez-sem-polemica/
Craque brincou com a situação em vídeo no Instagram; em 2019 ele estava em Salvador
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/claudia-leitte-vai-abrir-desfile-icada-nesta-sexta-feira-21-assista/
Cantora comanda bloco Blow Out, no circuito Dodô (Barra-Ondia)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cid-gomes-tem-quadro-clinico-estavel-diz-boletim-medico/
Cid foi baleado durante um protesto de policiais militares no Ceará
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/minuto-de-carnaval-pipocas-de-saulo-e-anitta-e-novidade-na-barroquinha/
Quadro é apresentado pelo chefe de reportagem Jorge Gauthier
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/do-paredao-para-o-trio-o-poeta-e-la-furia-levam-pagodao-a-barra/
Bandas foram umas das últimas a se apresentar na noite desta quinta (20)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-o-que-rolou-de-melhor-no-primeiro-dia-do-carnaval/
Muita pipoca, Claudinha de guarda, volta de Brown...
Ler Mais