Plataforma de vendas online investe em feiras virtuais para clientes

estúdio correio
04.09.2020, 17:06:00
Atualizado: 04.09.2020, 17:07:09
(Foto: divulgação)

Plataforma de vendas online investe em feiras virtuais para clientes

Ao todo, 1 milhão de compras foram realizadas no segundo trimestre deste ano, aumento de 73% em relação ao segundo trimestre de 2019

As relações de consumo na sociedade brasileira, definitivamente, mudaram. Os últimos meses, marcados pelo isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus, obrigou diversos comércios a fecharem as portas. No entanto, em meio a isso, uma modalidade de compras ganhou força, as vendas online. De acordo com o Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce, houve um aumento significativo no número de aquisições feitas pela internet. Essa elevação está relacionada principalmente ao maior volume de pedidos registrados. Ao todo, 1 milhão de compras foram realizadas no segundo trimestre deste ano, aumento de 73% em relação ao segundo trimestre de 2019.

É claro que esses resultados expressivos só são possíveis porque as plataformas de e-commerce tem oferecido cada vez mais opções, tanto no que diz respeito aos produtos, quanto em relação às formas de pagamento. Além disso, a comodidade, de realizar uma compra sem sair de casa, e segurança de dados na hora de fechar um negócio tem entusiasmado o consumidor. Se destacando nesse segmento virtual, a Agrofy encontrou um método para impulsionar a quantidade de elementos oferecidos. 

A empresa Argentina, que atua desde 2015, atingiu a marca de R$ 20,5 bilhões em produtos disponíveis na plataforma de vendas, sendo que o aumento foi registrado durante a realização da primeira edição das feiras online da Agtech. Sabendo que as principais buscas no site são por máquinas e implementos agrícolas, a Agrofy decidiu expandir o modelo de feira virtual para os clientes já cadastrados na plataforma. Isso porque vários eventos do agronegócio foram cancelados, devido à Covid-19.

Dessa forma as pessoas que já estavam se programando para participar presencialmente desse tipo de feira, puderam encontrar, além dos produtos desejados, muita informação e uma programação semelhante aquelas esperadas. Vale dizer que mesmo com algumas retomadas comerciais, a Agrofy não para de investir no modelo virtual. Para os próximos eventos digitais, a empresa deve incluir o conceito de realidade aumentada. O objetivo é estimular o contato entre vendedores e consumidores, com a utilização de recursos tecnológicos que possam potencializar as vendas, como tours virtuais e chats para esclarecer dúvidas. Sendo assim, garantir mais confiabilidade e segurança às compras online.

Sobre a empresa
Maximiliano Landrein e Alejandro Larosa, fundaram em 2015 a Agrofy, empresa Argentina e primeiro marketplace para o agronegócio na América Latina. A empresa, que é a maior plataforma do digital voltada ao setor, chegou ao Brasil em outubro de 2018.

Pioneira na área, oferece todos os produtos da cadeia produtiva, como sementes, insumos, equipamentos, serviços e até mesmo crédito rural, e tem por objetivo se consolidar no mais importante parque mundial do agronegócio,

Em 2019, a Agrofy iniciou seu processo de consolidação no País, expandindo seus serviços para outras nações da América Latina e México, além de estar mirando o mercado europeu.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas