'Popeye' russo passa por cirurgias após bíceps 'explodir' e corre risco de morrer

em alta
18.09.2021, 15:38:00
Atualizado: 18.09.2021, 15:39:28
(Reprodução)

'Popeye' russo passa por cirurgias após bíceps 'explodir' e corre risco de morrer

Lutador injetou vaselina endurecida nos dois braços

Kirill Tereshin, o lutador russo mais conhecido como Popeye, está com a saúde comprometida e pode até morrer se não remover a vaselina endurecida que injetou nos bíceps para aumentá-los.

Na semana passada, Popeye teve que parar uma luta depois que os braços incharam no meio dos golpes.

O lutador já admitiu que os músculos não são fruto de treinos. Ele injetou seis litros de vaselina - três em cada braço. O líquino penetrou nos tecidos da pelo e afetou o fluxo sanguíneo, o que deixa o lutador em risco, alertaram médicos.

O lutador passou por cirurgias para começar a remover a substância. Ele já fez o mesmo com tríceps que inflou artificialmente.

'O risco de complicações neste caso é muito alto', explicou o cirurgião Dmitry Melnikov ao site MailOnline. "Uma substância tóxica no corpo a longo prazo pode complicar os rins e levar à morte".
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas