Preço médio da gasolina se aproxima de R$ 8 em Salvador e assusta consumidores

bahia
03.06.2022, 22:18:00
(Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

Preço médio da gasolina se aproxima de R$ 8 em Salvador e assusta consumidores

Produto estava saindo por R$ 7,20 na quinta-feira (2) e passou para R$ 7,92 nesta sexta-feira (3)

Quem tem carro e precisou sair de casa na manhã desta sexta-feira (3) se surpreendeu com o aumento não divulgado do preço da gasolina. O produto, que estava saindo por uma média de R$ 7,20 na quinta-feira (2), passou para R$ 7,92, em Salvador, segundo o aplicativo Preço da Hora. A Acelen, que administra a Refinaria de Mataripe, afirmou não ser responsável pelo aumento.

O Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Estado da Bahia (Sindicombustíveis - BA) informou que "o mercado é livre e tanto as distribuidoras quanto os revendedores de combustíveis têm liberdade para ajustarem seus preços". Quanto à justificativa para o aumento, a entidade disse que foi uma movimentação do mercado. 

A Acelen, por sua vez, declarou que nas últimas duas semanas houve uma redução no preço da gasolina, de 2,6% no último dia 20 e de 3,4% no dia 27. Essa diminuição, no entanto, não causou efeito no bolso do consumidor, que segue pagando caro pelo produto.

(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)

O advogado Caio Baraúna, de 25 anos, conta que, com a gasolina custando quase R$ 8,00, ele vai precisar gastar cerca de R$ 600 por mês para fazer os percursos com seu carro pela cidade de Salvador. "Eu não lembro de ter visto algum anúncio em jornal sobre o aumento. Havia segurando um dia pra encher o tanque e no dia seguinte a gasolina que estava R$ 7,19 foi parar em R$ 7,92", declarou. 

O advogado lamentou que os consumidores tenham que ser reféns desse aumento. "Ou enche o tanque esperando que no outro dia vai aumentar ou fica esperando uma redução de valor que muitas vezes não vem", completou Caio.

O Sindicombustíveis destacou que cada posto revendedor decide sobre seu preço. Nesta sexta, no aplicativo Preço da Hora, a maioria dos postos venderam o produto por R$ 7,92, mas outros mantiveram a média de R$ 7,20. A gasolina aditivada, no entanto, já ultrapassa R$ 8,00. Por conta dessa variação, alguns consumidores abasteceram hoje e só perceberam o aumento quando o carro apitou avisando que estava precisando abastecer novamente em um intervalo curto de tempo.

É o que conta a fisioterapeuta Cynara Araújo, 52. Ela, que trabalha atendendo à domicílio, abasteceu na manhã desta sexta e antes das 12h o carro apitou avisando que precisava de mais combustível, foi quando ela percebeu o aumento. "Eu saí da Pituba, fui em Patamares e no Rio Vermelho, depois disso eu vi que precisava colocar mais gasolina. Eu tinha colocado R$ 50,00 poucas horas antes, ou seja, esse valor não dá conta nem da reserva mais", expôs.

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostra que o preço máximo da gasolina vendida nos postos de Salvador chegou a R$ 7,99. O valor mínimo é de R$ 7,05. Já os valores mais altos da gasolina na Bahia, segundo a ANP, foram registrados em Brumado, Ilhéus e Livramento de Nossa Senhora, onde o produto foi vendido por R$ 8,39.

*Com orientação da subchefe de reportagem Monique Lôbo

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas