Queda de árvore interdita rua e deixa moradores sem energia na Barra

salvador
13.05.2020, 06:54:12
Atualizado: 13.05.2020, 08:55:42

Queda de árvore interdita rua e deixa moradores sem energia na Barra

Planta caiu na Rua João Pondé, transversal à avenida Princesa Isabel

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A queda de uma árvore interditou a entrada da Rua João Pondé, transversal à avenida Princesa Isabel, na Barra, na madrugada desta quarta-feira (13). Os galhos atingiram a fiação e moradores ficaram sem energia elétrica.

(Foto: Juracy dos Anjos/Leitor CORREIO)

Técnicos da Secretaria Municipal de Manutenção (Seman) cortaram a planta, que foi removida por volta das 8h30. A energia já foi restabelecida na rua.

Ninguém ficou ferido no incidente nem a árvore atingiu nenhum veículo.

Chuvas
A Defesa Civil já registrou nesta quarta 41 solicitações de emergência, entre alagamento de imóvel, ameaça de desabamento, imóvel alagado, árvores ameaçando cair, desabamento de imóvel, desabamento parcial, deslizamento de terra e infiltração.

De acordo com Sosthenes Macedo, diretor da Codesal, a previsão é de tempo nublado com chuvas fracas a moderadas até o final da manhã, com risco para deslizamentos de terra. As chuvas são ocasionadas por causa da atuação da convergência de umidade combinada com a atuação da frente fria sobre o oceano Atlântico.  

Devido à previsão do tempo e ao solo encharcado, a Defesa Civil alerta que os moradores onde as sirenes já foram acionadas continuam em risco. Eles devem permanecer em locais de abrigo. Já foram acionadas sirenes no Bom Juá; Castelo Branco / Moscou; Sete de abril / Bosque Real; e São Caetano / Baixa do Cacau.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas