Quem recebeu o Auxílio Emergencial precisa declarar o Imposto de Renda?

tira-dúvidas finanças
05.04.2021, 05:00:00

Quem recebeu o Auxílio Emergencial precisa declarar o Imposto de Renda?


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Quem recebeu auxílio emergencial precisa declarar Imposto de Renda? Aline Barbosa

Olá, Aline. Está obrigado a declarar imposto de renda pessoa física, dentre outras coisas, quem recebeu em 2020 renda anual superior a R$ 28.559,70. No entanto,  aqueles contribuintes que receberam auxílio emergencial e tiveram o valor anual abaixo de R$ 22.847,76, sem a soma do auxílio, não precisam declarar. Qualquer valor acima disso, a declaração se torna obrigatória e o valor recebido de auxílio deverá ser devolvido ao fisco. Em caso de necessidade de declaração do benefício, o contribuinte deve acessar a aba “Rendimentos Recebidos de Pessoa Jurídica”. Se houver a necessidade de devolver algum valor o próprio sistema fará o cálculo e emitirá um DARF para pagamento.


Por que o preço das coisas no supermercado tem subido tanto, Edísio? Ana Santos

Olá, Ana. Estamos vivendo um momento muito delicado em nossa economia. Esse aumento generalizado nos preços que estamos observando desde o ano passado tem diversos fatores como causa, porém, um deles é a demanda. Muitos brasileiros passaram a consumir mais itens de supermercado, em especial, gêneros alimentícios, o que ajuda a elevar os preços a partir desse crescimento. O câmbio também foi um forte aliado dessa alta, considerando que muitas commodities tiveram seus preços impactados por conta da alta do dólar, o que vai refletir diretamente nos preços finais. Vimos isso com o arroz, o óleo de soja, derivados do trigo, por exemplo. Não podemos esquecer da carne vermelha, que disparou, incentivada pela crescente exportação do produto com câmbio favorável e aumento nos custos de criação do gado. Não menos importante, outro fator está na forte alta do valor dos combustíveis, o que elevou o custo logístico. Portanto, nos resta torcer por medidas econômicas mais duras de forma a contar essas altas e trazer o preço ao patamar médio de mercado.


Tem dúvidas sobre Finanças Pessoais? Mande um e-mail para carteiracorreio@redebahia.com.br

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas