Raul Prata diz que atraso de salários no Vitória tira o foco dos jogadores

e.c. vitória
27.09.2021, 15:27:00
Atualizado: 27.09.2021, 16:58:14
Lateral direito Raul Prata concedeu entrevista na Toca do Leão (EC Vitória/Divulgação)

Raul Prata diz que atraso de salários no Vitória tira o foco dos jogadores

Elenco iniciou preparação para jogo contra o Botafogo; time terá desfalques

A situação do Vitória é bastante delicada, com o rubro-negro em momento delicado dentro e fora de campo. Em 18º lugar, com 25 pontos, o time ocupa a zona de rebaixamento da Série B. Em meio a uma crise política e financeira, o lateral direito Raul Prata admitiu que o atraso de salários, uma constante no clube nesta temporada, atrapalha o desempenho nos jogos. 

"A gente vem convivendo com isso faz um tempo. Eu acho que atrapalha. Um clube quando está organizado, ajuda. Não acho que o jogador vai correr mais ou correr menos por causa do salário atrasado, mas é uma coisa que, quando está acontecendo, a gente conversa muito sobre isso. Às vezes, atrapalha no foco, que já é uma pressão muito grande", afirmou Raul Prata. "A gente acaba conversando sobre outras coisas, como o salário, ao invés de conversar sobre os jogos. Eu acho que atrapalha, mas tomara que seja resolvido o mais rápido possível para que a gente também, dentro do campo, resolva o nosso problema", comentou.

 O lateral não consegue explanar com precisão as razões para a fase ruim do time. "É difícil pontuar uma coisa ou outra. Desde o começo do campeonato a equipe vem se entregando, vem se doando para vencer os jogos, mas não vem conseguindo. Achar um fator que determine isso é difícil. A gente vem trabalhando e espera o quanto antes conseguir tirar o Vitória dessa situação", disse. 

Há 11 rodadas seguidas na zona de rebaixamento, o Vitória joga na quarta-feira (29), às 21h30, contra o Botafogo, no Barradão. A equipe carioca é a vice-líder da Série B, com 47 pontos.

"A gente treina todos os dias, repete as jogadas e no jogo às vezes a equipe não está conseguindo colocar em prática o que vem sendo trabalhado nos treinos. É melhorar todo mundo, desde o goleiro ao atacante e quem não está jogando. Melhorar o nível, a concentração", completou Raul Prata.

E por falar em treino, o elenco iniciou nesta segunda-feira (27) os preparativos para enfrentar o Botafogo. O técnico Wagner Lopes não contará com o volante Fernando Neto e o atacante Marcinho, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. O segundo já não atuaria porque uma cláusula contratual o impede de jogar contra o clube que o emprestou. 

Por outro lado, o treinador rubro-negro poderá utilizar o volante João Pedro e o meia Bruno Oliveira, novamente disponíveis após suspensão, bem como o meia Sérgio Mota, que está recuperado de contusão e treinou normalmente com o grupo. Ele ainda não estreou com a camisa vermelha e preta.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas