Ressaca financeira: 10 dicas para ajustar as contas depois do Carnaval

economia
09.03.2019, 07:00:00
Atualizado: 09.03.2019, 11:19:13
(Ilustração: Morgana Miranda/ CORREIO)

Ressaca financeira: 10 dicas para ajustar as contas depois do Carnaval

Especialistas em educação financeira listam algumas orientações que podem ajudá-lo a reverter os excessos na folia

O Carnaval passou, mas as contas ficaram. No meio da empolgação com a folia, muita gente deve ter ido além do que o orçamento permitia. Mas como toda ressaca tem cura, o CORREIO traz o remédio para reorganizar as contas.   

O detox no orçamento começa com uma análise do tamanho desta dívida, como destaca o educador financeiro do canal Dinheiro à Vista, Reinaldo Domingos. “Só assim será possível analisar qual é a melhor estratégia para quitá-las. O caminho para se iniciar esse movimento é verificar os extratos bancários e ver o quanto poderá dispor dos ganhos mensais para que esse valor seja quitado o quanto antes”.

Após um diagnóstico do tamanho do efeito da ressaca é partir para a negociação, corte de gastos e redução de excessos (sim, eles podem estar escondidos no orçamento, mas existem). “Saiba que todos nós temos, pelo menos, 30% de desperdício ou exagero nas nossas contas. É hora de fazer um esforço maior para que o problema não se agrave ainda mais. Faça todas essas economias para quitar as dívidas”, acrescenta Domingos. 

O perigo mora aqui

A situação está mais crítica do que imaginava? Então vai ser preciso buscar uma linha de crédito para que a dívida não bagunce as contas no ano inteiro. Pesquise a opção com a menor taxa de juros possível, como recomenda o consultor financeiro e fundador da Konkero, Guilherme de Almeida Prado. 

“O que acontece é que muita gente gasta por impulso. Além disso, muitas famílias já chegaram nessa data com orçamento bem apertado devido às contas do início do ano como IPVA, IPTU, material escolar, por exemplo. Se for inevitável, busque opções de empréstimo, mas lembre-se que você terá de pagar as parcelas nos meses seguintes”.

É preciso também acompanhar a evolução até quitar o débito. “Passada a folia, o excesso de gastos e o descontrole podem fazer as pessoas ficarem desanimadas e resolverem não olhar para o problema. E, não parar para olhar, não vai fazer o problema desaparecer. Também é importante pensar na possibilidade de buscar uma renda extra ainda este mês para amenizar estes gastos”, pontua o especialista.

Mas a ressaca só se cura mesmo a partir do momento em que o folião passar a enxergar sua relação com o dinheiro de outra forma. A dica é do presidente da Acesso, empresa de serviços financeiros, Davi Holanda. 

“O melhor é sempre planejar - saber quando o dinheiro vai entrar, o quanto se vai gastar e será guardado. O importante é começar a fazer. Somente por meio da visualização conseguimos nos organizar, identificar gastos e entender qual a melhor maneira de acabar com as dívidas ou começar a guardar dinheiro”.

Não dá pra continuar pensando em como vai pagar o que gastou só depois da Quarta-feira de Cinzas, por aí não vai ter caldo, café preto, chá de boldo e analgésico que dê jeito. “Pense sempre no próximo ano: não é porque o carnaval acabou de passar que o próximo não vai chegar. Para não repetir as dívidas recentes, lembre-se quando a próxima época de festas e férias chegar”, aconselha Holanda. 
 

10 DICAS PARA ESPANTAR A RESSACA FINANCEIRA

Na ponta do lápis Anote todos os gastos que fez durante este Carnaval e registre o valor que deverá ser destinado para quitá-los. Além disso, coloque também os compromissos financeiros que ainda virão nos próximos meses. 

Negocie Para as dívidas que vão se estender nos próximos meses vale buscar uma negociação junto ao credor, principalmente com relação os juros desse parcelamento. 

Converse Tenha uma conversa aberta com os seus familiares. Ainda que sair da dívida seja um dos objetivos, é importante definir junto com a família sonhos de curto médio e logo prazo. Eles irão estimulá-los a fazer cortes e tornar o mais fácil o hábito de poupar. 

Pesquise Quanto custa esse sonho? Agir com antecedência é o melhor caminho para que um planejamento dê certo. Portanto faça cotações, estabeleça um teto de gastos e verifique a possibilidade real de concretizar os seus objetivos.

Reduza despesas O diagnóstico financeiro é o primeiro passo para colocar as finanças no eixo. A tarefa é anotar tudo o que foi gasto e separe as despesas por categorias para saber onde é possível diminuir ou até mesmo cortar. 

Monitore seus gastos Caso já esteja em uma situação de inadimplência, busque a causa do problema. Não procure o credor para pagar sem saber quais são as possibilidades. Saiba o quanto realmente possui para quitar essa dívida e evite se enrolar ainda mais. 

Cuidado com o cheque especial e o cartão de crédito. Temos aí as duas linhas de crédito mais caras e mais fáceis de contratar, disponíveis no mercado. Tente não cair em ciladas como o uso de limites extras concedidos em sua conta. Gaste apenas o que você tem disponível para não criar novas dívidas.

Impulso Comprar sem pensar é um vilão para qualquer orçamento. Pense duas vezes antes de comprar, procurando sempre entender se você realmente precisa daquilo que está comprando.

Reveja seu orçamento É preciso mudar a maneira de organizar o orçamento financeiro mensal. A partir de agora, use a seguinte fórmula: Ganho (-) Sonhos (-) Despesas. Ou seja, poupe primeiro e depois adeque o restante para as despesas de acordo com o seu padrão de vida atual.

Comece a poupar Comece poupando pelo menos 10% do que ganha mensalmente. Para sonhos de curto prazo (até um ano), a caderneta de poupança é uma opção, para os de médio prazo (de um a dez anos), CDB, Tesouro Direto, fundos de investimento, aos de longo prazo (acima de dez anos), Tesouro Direto, previdência privada e ações são boas opções. 



Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/thiaguinho-chora-ao-cantar-musica-que-escreveu-para-fernanda-souza-veja/
Cantor começou a se emocionar durante a canção 'Deixa Tudo Como Está'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/dancarino-morre-e-outras-duas-pessoas-ficam-feridas-em-ataque-de-faccao/
Três homens e uma mulher em um carro atiraram contra moradores em São João do Cabrito
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jovem-se-finge-de-gato-e-mia-embaixo-da-cama-para-nao-ser-achado-por-policiais/
Ele é suspeito de ter participado de um latrocínio em Fortaleza
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/do-cordel-a-escultura-leitores-fazem-homenagens-para-correio/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/homem-deixa-delegacia-e-volta-atacar-publico-lgbt-na-porta-de-unidade/
Na madrugada, Edson Macedo invadiu bar Caras e Bocas, destruiu local e agrediu clientes e artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/triste-sina-da-mulher-ketchup-8-anos-depois-erenildes-aguiar-enfrenta-depressao/
Sem a fama de antes, arrependida e com doença severa, Erenildes vive de remédios e trancada dentro de casa
Ler Mais