Rodallega comemora chance no Brasil e projeta parceria com Gilberto

e.c. bahia
15.07.2021, 17:50:00
Atualizado: 15.07.2021, 21:25:57
Rodallega foi apresentado no Bahia, mas só poderá atuar a partir de 1º de agosto (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Rodallega comemora chance no Brasil e projeta parceria com Gilberto

Atacante colombiano foi apresentado oficialmente pelo Bahia

Reforço do Bahia para o ataque, o colombiano Hugo Rodallega já está em Salvador. Na tarde desta quinta-feira (15), o atacante que completará 36 anos no próximo dia 25 esteve na Cidade Tricolor pela primeira vez. Ele conheceu o centro de treinamentos do clube, foi apresentado oficialmente e se mostrou animado por defender o Esquadrão e por jogar no futebol brasileiro.

“Eu chego com uma expectativa muito grande, muita vontade de ajudar o Bahia. É uma oportunidade muito importante para mim, para minha carreira, para minha família. A oportunidade de jogar na melhor liga da América do Sul, que é o Brasil. O Brasileirão é muito importante, agora estou fazendo parte do Bahia e vou trabalhar para fazer o melhor possível”, disse ele.

Contratado para fazer sombra ao artilheiro Gilberto, Rodallega avisou que, além de centroavante, pode atuar em outras posições, o que não inviabilizaria ser escalado ao lado do camisa 9. O colombiano, inclusive, projeta uma parceria com Giba.

“Tenho a qualidade de jogar em qualquer posição do ataque. Posso jogar com um companheiro; com dois atacantes; atrás do camisa 9, como um 10; e como um extremo na esquerda. Tenho algumas qualidades que posso usar aqui. Mas isso vai depender do treinador”, apresentou-se o jogador. “Gilberto e eu podemos nos complementar e ajudar a equipe, tentar marcar gols e ganhar pontos importantes para subir na tabela de classificação”, completou.

Formado nas divisões de base do modesto Quindío, da Colômbia, Hugo Rodallega defendeu poucos clubes no seu país. Depois de vestir a camisa do Deportivo Cali, em 2005, ele iniciou a carreira internacional que inclui México, Inglaterra e Turquia. Foi na Europa onde jogou em boa parte do tempo.

Na Premier League, o atacante passou por Wigan e Fulham antes de seguir para o futebol turco. De volta ao continente sul-americano quase 16 anos depois, o colombiano diz que recebeu outras propostas e que optou pelo Bahia por se sentir um pouco mais perto de casa.

“Tinha outras propostas da Grécia e Turquia. Escolhi o Bahia porque é interessante para mim. Já falei antes, é a melhor liga da América do Sul, um projeto novo, uma cultura nova para mim e minha família. Queríamos estar um pouco mais perto de casa para sentir o sabor latino e sul-americano”, explicou.

Apesar das expectativas, Hugo Rodallega vai ter que esperar um pouco até ficar disponível para estrear. Como a janela de transferências internacional para a entrada de atletas ainda está fechada, ele só poderá disputar jogos oficiais a partir de 1º de agosto. Até lá, o colombiano sabe bem o que vai fazer.

“A idade não dificulta nada. Tenho 15 dias agora para preparar o meu corpo e é o suficiente para, a partir de 1º de agosto, jogar com a equipe”, finalizou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas