Saiba quais foram os 10 carros mais roubados no Brasil em 2020

em alta
11.03.2021, 12:01:07
(Foto: Divulgação)

Saiba quais foram os 10 carros mais roubados no Brasil em 2020

Empresa especializada no monitoramento remoto de veículos fez levantamento

O home office adotado por muitos brasileiros durante a pandemia, com os carros mantidos na garagem, não fez cessar os roubos e furtos de automóveis no ano passado. O índice de crimes continuou em alta, e dentro de uma amostra de 5.500 ataques registrados pela Ituran, empresa especializada no monitoramento remoto de veículos, foi possível estimar quais os carros mais roubados de 2020 no país.

O estudo, divulgado pela CNN Brasil, considerou o total de cada modelo dentro da base da empresa, e mostrou que o Volkswagen Voyage foi o mais roubado, com 2,6% do total de casos, seguido pelo Renault Logan, com 2,5%, e o Fiat Siena, com 2,3%. 

O percentual se refere ao número de ocorrências específicas. Ou seja: de cada 1.000 Voyages na base de clientes da Ituran, 26 foram roubados ou furtados em 2020.

Confira o top 10 de veículos mais cobiçados pela bandidagem:

  1. Volkswagen Voyage - 2,6% (26 ocorrências a cada 1.000 carros)
  2. Renault Logan - 2,5% (25 ocorrências a cada 1.000 carros)
  3. Fiat Siena - 2,3% (23 ocorrências a cada 1.000 carros)
  4. Chevrolet Onix - 2% (20 ocorrências a cada 1.000 carros)
  5. Chevrolet Prisma - 2% (20 ocorrências a cada 1.000 carros)
  6. Fiat Uno - 2% (20 ocorrências a cada 1.000 carros)
  7. Ford Ka - 2% (20 ocorrências a cada 1.000 carros)
  8. Fiat Fiorino - 2% (20 ocorrências a cada 1.000 carros)
  9. Fiat Palio - 1,9% (19 ocorrências a cada 1.000 carros)
  10. Hyundai HB20 - 1,9% (19 ocorrências a cada 1.000 carros)

Leia mais notícias do Alô Alô.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas