'Se a gente quiser reverter, tem que melhorar', diz Marcelo Alves

e.c. vitória
03.06.2021, 21:31:00
Atualizado: 03.06.2021, 22:57:46
Marcelo (no canto direito), em lance do jogo do Vitória contra o Inter (Paula Fróes/CORREIO)

'Se a gente quiser reverter, tem que melhorar', diz Marcelo Alves

Em jogo de poucas emoções pela Copa do Brasil, Vitória é derrotado pelo Inter por 1x0, no Barradão

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Em um jogo sonolento e de poucas emoções, o Vitória perdeu para o Internacional por 1x0, na noite desta quinta-feira (3), no Barradão, pela terceira fase da Copa do Brasil. O único gol do jogo foi marcado por Thiago Galhardo, de pênalti. O lance aconteceu aos 26 minutos do segundo tempo, quando o atacante invadiu a área e foi agarrado por Wallace. 

Após o apito final, o zagueiro Marcelo Alves reclamou da penalidade, e disse ter sido surpreendido com a marcação. "Ali dentro do campo, é muito rápido. Mas a nossa percepção de imediato foi que não houve [o pênalti]. Quando ele marcou, foi uma surpresa para a gente", disse, em entrevista ao Premiere.

O jogador também falou sobre a dificuldade em enfrentar o Inter, e pediu uma atuação melhor do Leão no duelo da volta. O próximo encontro será na quinta-feira (10), às 21h30, no Beira-Rio, em Porto Alegre. 

"Um jogo muito duro, uma equipe muito forte. A gente tem que melhorar. Jogar um pouco mais, propor mais o jogo. Se a gente quiser reverter o resultado, tem que melhorar", afirmou.

O Leão precisará vencer por dois ou mais gols de diferença na volta para se classificar. Triunfo rubro-negro por um gol leva a decisão para os pênaltis. Já o Inter avança com um empate.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048