Sósias de Carlinhos Brown e Bell Marques dão show no Farol da Barra

salvador
26.02.2022, 05:00:00

Sósias de Carlinhos Brown e Bell Marques dão show no Farol da Barra

Dupla causa nostalgia em muitos foliões, órfãos do Carnaval

Errou quem achou que a Barra não teria clima de Carnaval em 2022. O trio elétrico pode até não passar, mas os sósias de Bell Marques e Carlinhos Brown improvisaram um minipalco no espaço da tradicional concentração dos blocos e reuniram alguns foliões ao som de hinos carnavalescos da dupla de cantores.

Os sósias viralizaram nas redes sociais e em grupos de aplicativos de mensagens depois de aparecerem pela primeira vez na frente do Farol da Barra, no domingo passado, vestidos iguais aos cantores originais, em cima de um palco improvisado, tocando guitarra e espalhando as músicas de Bell Marques através de uma caixa de som. No final da tarde dessa sexta, a dupla mudou de cenário. O local escolhido para continuar o show foi um bar na Rua Afonso Celso, também na Barra. 

Belo e Diego acabaram tornando-se parceiros (Foto: Marina Silva/CORREIO)

Se Bell Marques pode ser confundido com um sósia, porque um sósia não pode ser confundido com Bell Marques? É o que vive acontecendo com Belo Carvalho, 56 anos, e foi o motivo pelo qual ele decidiu encarnar o personagem.

“As pessoas me olhavam e diziam: ‘Rapaz, você parece com Bell’. De tanto as pessoas falarem e como eu tenho espelho em casa também, eu via que era isso mesmo, né? O tempo contribuiu tanto que hoje eu pareço mais com o Bell do que o próprio Bell. Me confundem na rua dizendo que eu sou ele. É muito gratificante, uma coisa maravilhosa”, conta o clone de Bell Marques.

Antes de ser Carlinhos Brown, Diego Criolo, 32, também foi Bell. Ator e humorista desde os 12 anos de idade, ele conta que sempre buscou coisas novas para fazer, incluindo personagens. A versão de Carlinhos Brown surgiu há um ano, depois que ele conheceu o clone de Bell que hoje é seu parceiro.

“Comecei a fazer isso ano passado. Fiz o cover de Bell Marques, o vídeo viralizou também, e o Bell compartilhou. Foi um sucesso. E aí eu conheci esse Bell aqui e pensei assim: ‘Pô, ele parece muito com Bell, não tem condição de eu convidar esse cara pra fazer comigo’. Como eu também já tinha feito Carlinhos Brown ano passado, eu convidei o Belo para vir de Bell e virou uma parceria”, lembra o sósia de Brown.

Foliões de carteirinha, os dois não suportaram a falta do Carnaval pelo segundo ano consecutivo devido à pandemia da covid-19 e, por isso, decidiram apostar na versão improvisada da festa. De acordo com eles, a intenção é animar e levar alegria para os órfãos da festa de rua.

Para Camila Passos, 38, a nostalgia foi garantida. Ouvir a música já foi suficiente para animar seu passeio pela Barra, mas ao conseguir ver a dupla, seu coração de foliã bateu mais forte, assim como a saudade do Carnaval. “Ixi, a sensação é de estar seguindo o trio, mas paradinha. Se eu tivesse bebido mais um pouco, não duvidaria de que eram eles mesmos aqui na minha frente. Só o que fica é a saudade do meu Carnaval”, comentou.

A maioria das pessoas que passavam parava para tirar fotos, e quem não conseguia parar, porque estava passando de carro, tentava garantir a foto, mesmo de longe.

João Carvalho, 26, e Mário Freitas, 31, não resistiram ao clima de Carnaval que a dupla transmitia e pararam no bar que eles estavam tocando, tiraram fotos e ficaram por ali mesmo. “Vamos aproveitar esse clima, já que não tem trio este ano. Sou fã dos dois, então é só lucro”, comenta João. 

Mesmo quando não estão realizando apresentações na Barra, os personagens não largam a vida de artista. O sósia de Brown trabalha como artista de rua, humorista e digital influencer. Já o clone de Bell Marques, durante a pandemia, passou a viver exclusivamente do personagem.

Depois que o vídeo da primeira apresentação da dupla, na Barra, viralizou, os artistas estão sendo convidados para apresentações de outros cantores. Na agenda deste final de semana estão participações nos shows do Harmonia, de Tiago Aquino, Timbalada e Jau.


O Correio Folia tem patrocínio da Goob e apoio da AJL, Jotagê Engenharia e Comdados

*Com orientação da subchefe de reportagem Monique Lôbo

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas