Startup baiana na Europa

sustentabilidade
06.08.2018, 19:00:00

Startup baiana na Europa

Por Anna Luísa Beserra*

O Aqualuz surgiu com a proposta de tornar o acesso à água potável mais democrático para as pessoas do semiárido, a partir de um projeto científico do Ensino Médio, em 2013. É um dispositivo para desinfecção solar de água, usando apenas radiação solar e um filtro físico, para aplicação em cisternas de captação de água de chuva do semiárido mundial.

Em 2015, o projeto se transformou na startup Safe Drinking Water For All (SDW), e conquistou muitos prêmios e reconhecimentos, entre eles o 1º Lugar no Desafio Água da ONU, no 8º Fórum Mundial da Água e a aprovação para participar do Programa Young Water Fellowship (YWF) como primeiros brasileiros escolhidos entre 430 startups de 65 países. Para mim, aluna da Ufba, ter a primeira startup brasileira selecionada para programa de aceleração em água e saneamento na Europa, é muita coisa.

Escolhemos o Hub Salvador como nossa casa, um ponto de encontro e trabalho com estrutura colaborativa capaz de abrigar 100 startups e oferecer orientação, networking e investimento para essas empresas. Com tecnologia já patenteada, o foco agora é a inserção dela no mercado. O modelo de negócios será a venda do Aqualuz em lotes,visando atingir empresas privadas que possuam iniciativas de responsabilidade socioambiental; ONGs, que atuem no semiárido e órgãos governamentais focados nessas políticas públicas. O Aqualuz possui como diferencial o baixo custo, a eficiência, a facilidade da aplicação para pessoas com baixo grau de instrução, além de ter uma durabilidade de 15 anos de uso, sem necessitar de manutenção ou suprimentos externos. Além do produto, a SDW realiza um serviço de acompanhamento das comunidades escolhidas que inclui análises de água, estudo de impactos e treinamentos diversos.

O Young Water Solutions (YWS), que é uma organização internacional, sem fins lucrativos, que visa desenvolver e apoiar o potencial dos jovens para contribuir com a gestão universal de água, saneamento e higiene (WASH) e recursos hídricos, capacitando jovens líderes, fornecendo-lhes ferramentas para realizar a implementação dos projetos de água em suas comunidades, com foco especial foi no empreendedorismo social. Todos os anos, este programa reúne 10 jovens líderes comunitários capazes de conceber e implementar, com sucesso, iniciativas hídricas sustentáveis e inclusivas, que melhorem significativamente as condições de vida nas suas comunidades,contribuindo para a realização do Objetivo 6 (água e saneamento para todos), dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), da ONU.

A jornada na Europa começará no dia 11 de agosto de 2018, na Suíça, com algumas semanas de treinamento. Depois continuará na Semana Mundial da Água de Estocolmo (SWWW), na Suécia, seguindo para um treinamento final na Bélgica e retornando ao Brasil no dia 15 de Setembro. A CEWAS é uma aceleradora focada em melhorar as práticas de negócios em água e saneamento por meio de treinamento e conscientização, que tem o objetivo de aumentar a integridade e a sustentabilidade do setor. Na SWWW, o evento mais importante do setor, SDW e o Aqualuz serão apresentados a potenciais clientes e futuros parceiros, entre os quais, especialistas das comunidades científicas,empresariais, governamentais do mundo. Lá vamos divulgar a Bahia, criar redes e conexões e, quem sabe, trazer alguns contratos, estamos torcendo.

* É aluna de biotecnologia da UFBA, fundadora e CEO da SDW e do Aqualuz. anna@sdwforall.com.br Safe Drinking Water for All (SDW) - www.sdwforall.com.br /  Young
Water Fellowship (YWF) - youngwatersolutions.org / CEWAS - cewas.org Semana Mundial da Água de Estocolmo (SWWW) - www.worldwaterweek.org