Suspeito de matar cantor em Aracaju morre em confronto com a polícia em Lauro de Freitas

bahia
20.01.2022, 18:53:50
(Reprodução/TV Sergipe)

Suspeito de matar cantor em Aracaju morre em confronto com a polícia em Lauro de Freitas

O criminoso possuía ainda dois mandados de prisão em aberto e era foragido da Delegacia de Alagoinhas

O autor do latrocínio do cantor Givaldo Lima dos Santos, de 76 anos, ocorrido em Aracaju, foi encontrado no fim de linha do bairro de Itinga, no município de Lauro de Freitas, nesta quinta-feira (20).

Conhecido como 'Tuti Fred’, o cantor foi morto, no dia 19 de julho de 2021, estrangulado e esfaqueado após um assalto.

O suspeito foi localizado através de ações investigativas desenvolvidas entre equipes da Polícia Civil da Bahia e de Sergipe.

Segundo a Polícia Civil, no momento da abordagem, o criminoso reagiu atirando contra os policiais e houve um confronto. Ele foi atingido e socorrido para uma unidade de saúde, onde não resistiu. O autor do latrocínio também atuava no tráfico de drogas, tinha dois mandados de prisão em aberto e era foragido da Delegacia Territorial (DT), de Alagoinhas, apontado como suspeito de envolvimento no homicídio de um policial militar lotado naquele município.

Com o criminoso, os policiais apreenderam um revólver calibre 38 e munições. A ação foi realizada por policiais da Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter) e do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), com apoio da Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil da Bahia e do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) da Polícia Civil de Sergipe.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas