'Temos que pedir desculpa ao torcedor pelo resultado', diz Daniel

e.c. bahia
18.05.2021, 22:21:00
Daniel, em lance do jogo contra o Independiente (Felipe Oliveira/EC Bahia)

'Temos que pedir desculpa ao torcedor pelo resultado', diz Daniel

Bahia perdeu para Independiente com gol contra de Thonny Anderson e se complicou na Sul-Americana

O Bahia perdeu para o Independiente por 1x0 na noite desta terça-feira (18), na Argentina, e se complicou na luta pela classificação para as oitavas de final da Sul-Americana. O tricolor teve as melhores chances da partida, mas desperdiçou as oportunidades e viu uma trapalhada de Thonny Anderson e Douglas render a vitória argentina.

Em entrevista coletiva, o meia Daniel foi questionado se houve falha no lance, mas negou. Para ele, o gol do Independiente foi uma 'infelicidade'. 

"A gente não soube aproveitar nossas oportunidades. Criamos bem mais na partida, tivemos volume, empurramos o Independiente, que é um time grande, dentro da sua casa. Infelizmente, sofremos uma infelicidade na bola parada", disse.

"Acho que falha não houve, foi infelicidade mesmo. Não tem muito que explicar. Acho que nem foi falta na jogada também. O adversário já dominou a bola caindo. Mas a gente tem que levantar a cabeça, aconteceu. A gente tá vivendo um bom momento, estamos jogando bem. Seria pior se a gente tivesse perdendo, jogando mal, o que não foi o caso. Então, acredito que o nosso time vai ser muito feliz na sequência da temporada", continuou.


Com a derrota, o Bahia caiu para o segundo lugar do Grupo B, com oito pontos, enquanto o Independiente assumiu a ponta, agora com 11. Vale lembrar que só o líder avança. Desta forma, o tricolor terá que vencer o Montevideo City Torque na última rodada, em Pituaçu, e torcer para derrota argentina. Só que o Rei de Copas joga em casa contra o Guabirá, lanterna da chave.

Apesar do cenário difícil, Daniel ainda acredita na classificação.

"A gente sabia que era um resultado que não podia acontecer, ninguém queria perder. Quem perdesse ia ficar praticamente eliminado. Mas a gente sabe que no futebol, muitas vezes, acontecem coisas inesperadas. Se a gente tem uma chance, a gente tem que entrar na última rodada acreditando nela o máximo possível. Temos que fazer nosso dever de casa e depois ver o que acontece", afirmou.

"É bem complicado. O Guabirá até agora não pontuou, o Independiente ainda tem a vantagem do empate. Mas o futebol é isso, acontecem coisas que às vezes ninguém espera. Quem sabe, na última rodada, a sorte não está para o nosso lado", seguiu.

O jogador também pediu desculpas à torcida do Bahia, mas projetou boa sequência da temporada.

"Primeiro, temos que pedir desculpa ao torcedor pelo resultado, porque praticamente estamos fora da competição. Mas ele viu que não faltou garra e empenho, como não vem faltando desde a temporada passada, desde que o professor Dado assumiu o time. Então, ele pode ter certeza que durante o ano isso nunca vai faltar. E tenho certeza que a gente vai fazer um grande Campeonato Brasileiro, ainda temos a Copa do Brasil. Vamos levantar a cabeça, vamos treinar forte para o jogo de semana que vem para a gente fazer um grande jogo dentro de casa também", concluiu.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas