Torcida do Bahia faz protesto antes do duelo contra o Coritiba

e.c. bahia
12.08.2020, 19:19:00
Atualizado: 12.08.2020, 19:23:42
Torcedores fizeram protesto contra o técnico Roger Machado e o momento ruim do Bahia (Foto: Tiago Caldas/CORREIO)

Torcida do Bahia faz protesto antes do duelo contra o Coritiba

Técnico Roger Machado foi o principal alvo dos torcedores

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A estreia do Bahia no Campeonato Brasileiro foi marcada por protesto. Apesar da proibição de torcida dentro do estádio por conta da pandemia do novo coronavírus, alguns torcedores se concentraram nos arredores de Pituaçu, na noite desta quarta-feira (12),  antes do duelo contra o Coritiba, e exibiram faixas com manifestações. 

O principal alvo da torcida foi o técnico Roger Machado, que está no comando do tricolor desde abril do ano passado. Além do pedido pela demissão do treinador, frases como "bando em campo" e "time sem garra" também foram estampadas.

O Bahia vive momento conturbado com parte da torcida desde que perdeu o título da Copa do Nordeste para o Ceará. Desde então, o trabalho de Roger Machado passou a ser criticado por conta do desempenho ruim que o time teve nos últimos jogos.

No Campeonato Baiano, o Esquadrão não conseguiu vencer o Atlético de Alagoinhas nos dois jogos da decisão e levou o título na disputa por pênaltis.  

É nesse clima que o tricolor encara o seu primeiro desafio no Campeonato Brasileiro. A partir de 20h30, o Esquadrão recebe o Coritiba. O duelo é válido pela segunda rodada do torneio, mas o Bahia teve o jogo contra o Botafogo, pela primeira rodada, adiado em virtude da final do estadual.  

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas