Tricolores lembram que título do Nordestão era o foco do semestre

e.c. bahia
25.05.2017, 00:15:00

Tricolores lembram que título do Nordestão era o foco do semestre

Jogadores comemoram regional perfeito que o tricolor fez em casa, sem nenhuma derrota na Fonte Nova

A maioria dos atletas que venceu nesta quarta-feira (24) o Sport chegou ao Bahia há menos de um ano, em meio à crise do time, que se via longe do retorno à Série A. Esse grupo não só alcançou o acesso, como conquistou o maior título do Bahia nos últimos 15 anos: o tricampeonato da Copa do Nordeste. 

Jogadores dedicaram título principalmente à torcida (Foto: Betto Jr. / CORREIO)


O capitão Tiago, que levantou a taça, comemorou a união entre eles: “A gente sempre diz que grande time ganha jogo e grupo bom ganha campeonato. Nosso foco nesse ano sempre foi a Copa do Nordeste e essa torcida merece o título”.

“A gente merece isso, porque trabalhamos muito. Depois desse campeonato que a gente fez... Agora a gente só tem a agradecer a essa torcida maravilhosa”, disse Régis, que acaba o Nordestão como artilheiro, com seis gols.

O meia celebrou a temporada que tem feito: “graças ao apoio do técnico Guto Ferreira e, é claro, dos meus companheiros, consegui chegar aqui. Trabalhei muito ”.

Um dos poucos do time que está há mais de um ano no Fazendão é o goleiro Jean. E no caso dele, o título tem sabor de volta por cima: “dois anos atrás, eu tive essa taça na mão e deixei escapar (falhou contra o Ceará). Esse ano, Deus vem me abençoando e pude recuperar essa taça para uma torcida tão maravilhosa”.

Mesmo lesionado, Hernane fez questão de entrar em campo: “é ruim quando se chega a um clube e não leva título. Com esse aqui, com certeza vamos ficar marcados na história”, disse. “Estou aqui há mais tempo e sei da pressão que é jogar no Bahia”, concluiu Lucas Fonseca.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas