Trump encerrará o Nafta antes de votar novo pacto assinado com Canadá e México

mundo
02.12.2018, 14:20:00
((Foto: AFP))

Trump encerrará o Nafta antes de votar novo pacto assinado com Canadá e México

Acordo foi aprovado em 1993

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou em conversa com a imprensa durante voo do Air Force One na noite de ontem, após o encerramento da Cúpula do G-20, em Buenos Aires, que irá formalmente notificar o Congresso sobre a rescisão do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (Nafta, na sigla em inglês) em um "futuro próximo".

Seu encerramento, sugeriu Trump, deve deixar o Congresso com duas opções: escolher entre a versão revisada do Acordo Estados Unidos-México-Canadá (USMCA, na sigla em inglês), assinada com o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, e o presidente do México, Enrique Peña Nieto, durante o G-20 ou o retorno de práticas comerciais vigentes antes da aprovação do Nafta, em 1993.

Na avaliação de Trump, a expectativa é de poucos obstáculos à aprovação do novo acordo nos EUA, que ainda aguarda a aprovação legislativa de Ottawa e da Cidade do México, mas congressistas norte-americanos em ambos os lados, incluindo a senadora Elizabeth Warren, democrata de Massachusetts, expressaram reservas.

Recentemente, a senadora declarou que o novo regime de comércio "não vai impedir a terceirização, não vai aumentar os salários e não vai criar empregos. É o Nafta 2.0". Trump prefere chamar o pacto de Acordo EUA-México-Canadá. 
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas