Tudo em ordem: reabertura de salões, academias e bares não teve interdições

salvador
10.08.2020, 17:57:00
Atualizado: 10.08.2020, 17:57:54
(Divulgação)

Tudo em ordem: reabertura de salões, academias e bares não teve interdições

Levantamento foi realizado até as 16h30, mas fiscalização segue até 23h

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O primeiro dia da segunda fase de reabertura das atividades econômicas em Salvador não teve dor de cabeça. Mesmo com as fiscalizações, nenhum estabelecimento foi flagrado quebrando as regras e não houve interdições.

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), responsável pela fiscalização, informou que fez vistorias nesta segunda-feira (10) em academias de ginástica, barbearias, salões de beleza, centros culturais, bibliotecas, museus, galerias de arte, lanchonete, restaurantes e bares. O objetivo era verificar se os empreendimentos estavam cumprindo os protocolos de segurança para evitar a disseminação do novo coronavírus. 

Até as 16h30, nenhum estabelecimento foi interditado. A força-tarefa, que conta com 120 profissionais, segue nas ruas até as 23h.

"Estamos fiscalizando com rigor as normas que foram pactuadas entre Prefeitura e os diversos setores do comércio que reabrem hoje. Quem descumprir as regras estará sujeito às sanções previstas em decreto. No entanto, todos os locais que passamos até agora estão cumprindo os protocolos de segurança, o que nos deixou bem animados”, afirma o diretor de Fiscalização da Sedur, Átila Brandão Júnior.

Dentre os espaços visitados na operação estão a academia Alpha Fitness, no Costa Azul, a churrascaria Sal e Brasa, em Pituaçu, além de praças de alimentação em shopping centers da cidade.

"Fiscalizamos uma churrascaria e constatamos que, como determina o protocolo, não está havendo rodízio. Eles colocaram um sistema de buffet também cumprindo o protocolo, com funcionários servindo os clientes. Enfim, por enquanto, e para nossa satisfação, tudo está correndo sem problemas", disse Átila Brandão Júnior. 

Mais tarde, o foco será na fiscalização de sendo bares e restaurantes situados em locais onde o descumprimento às normas contra a pandemia tem sido mais frequente. Segundo as novas regras, esses locais só podem funcionar a partir das 12h, fechando obrigatoriamente às 23h, de segunda a domingo. Já aqueles que ficam situados em shoppings e centros comerciais seguirão o horário desses empreendimentos.

As normas estabelecidas também exigem que, no caso dos bares e restaurantes, é preciso haver afastamento de dois metros entre as mesas e um metro entre cadeiras de mesas diferentes. Além disso, o número máximo permitido é de seis pessoas por mesa.

O uso de máscaras nos restaurantes é obrigatório, podendo o item ser retirado apenas no momento da refeição. O cardápio também deve ser digital ou plastificado e higienizado a cada uso. 
 
Os protocolos geral e específico de cada setor podem ser acessados no link informe.salvador.ba.gov.br/coronavirus decretos/protocolos.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas