Um olhar para fora dos escritórios

alô alô
30.10.2020, 08:34:00

Um olhar para fora dos escritórios


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

(Foto: Alô Alô Bahia)

Você pensa na figura de quem exerce, ao mesmo tempo, as funções de presidente do Conselho de Administração e de Controlador de uma grande empresa de capital aberto e imagina: “talvez eu não tenha acesso a essa pessoa”. E talvez não tenha mesmo - são posições importantes que demandam um certo grau de hierarquia para participar do processo de tomadas de decisão.
 
Este não será, contudo, o perfil do empresário a seguir. Carioca de nascimento e baiano de coração, Frank Geyer Abubakir, 48 anos, tem convicção de que seu papel na sociedade é muito maior do que aquele que exerce atrás das mesas de reuniões.
 
Com forte atuação social, seja presencialmente, seja por meio de seu perfil no Instagram (@frank_geyer_abubakir), Frank possui um vasto repertório de temas que vão desde os mais relevantes para a sociedade até assuntos cotidianos, de interesse comum – mas não menos importantes.
 
Essa característica incomum de sua atuação revela-se em diferentes frentes. A do Instagram é a mais visível, em que, na bio, expressa o lema: “No equilíbrio da diversidade é que se constrói o saudável”.
 
É nessa plataforma que Geyer encontra espaço para reverberar temas prioritários para o país, tais como o Marco do Saneamento e a Lei do Gás. “Isso é priorizar a competitividade, inclusive eticamente, gerando empregos e permitindo um consumo mais justo e saudável”.
 
Outro tema de contínua atenção do empresário está no modus operandi do capitalismo chinês e suas consequências: “Países, empresas e organizações mundo afora ignoram as flagrantes distorções do modo capitalista chinês, mas protestam veementes contra democracias que têm remédios mais eficientes para suas falhas”, defende no Instagram.
 
Também no “Insta”, volta ao assunto e replica seu artigo em que aponta: “Quando alguns países precisam obedecer regras rigorosas enquanto outros as ignoram, temos um jogo enviesado, injusto e ineficiente no mercado global”.
 
Contudo, o canal está longe de ser monotemático. Com dicas de filmes, livros, cursos e propostas de reflexão, Geyer leva o seu eclético repertório a um público que, mais do que querer saber o que pensa um empresário, procura conhecer um pouco mais sobre diversos aspectos da vida.
 
Como ele mesmo defende, “a lente da cultura permite sermos mais capazes de criar, expandir, tolerar, enfim compreender. Nos faz mais humanos em alma e corpo”.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas