Vitória acerta com pacotão de reforços: tem lateral, atacante e zagueiros

e.c. vitória
07.12.2021, 15:48:00
O zagueiro Ewerton Páscoa atuou pelo CRB nesta temporada (Maxwell Oliveira/CRB)

Vitória acerta com pacotão de reforços: tem lateral, atacante e zagueiros

Éwerton Páscoa, Alisson Cassiano, Guilherme Queiroz e Alemão fecham com o Leão para temporada 2022

O Vitória já definiu seus primeiros reforços para a temporada 2022. O Leão acertou com os zagueiros Ewerton Páscoa, ex-CRB, e Alisson Cassiano, ex-ABC; com o lateral-direito Alemão, ex-Criciúma; e com o atacante Guilherme Queiroz, ex-Novorizontino. 

O rubro-negro agora aguarda os nomes dos jogadores serem publicados no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para anunciar oficialmente os atletas. As informações foram publicadas inicialmente pelo Galáticos Online e o Bahia Notícias.

Todos os quatro nomes têm experiência na Série B ou na Série C, um perfil procurado pelo Vitória para a temporada 2022. Em entrevista coletiva na semana passada, o presidente interino Fábio Mota adiantou que a ideia era misturar os atletas da base do Leão com atletas mais experientes, que já participaram das competições. "O Vitória tem um elenco muito jovem, e vamos tentar mesclar essa juventude com experiência para sair da Série C o mais rápido possível", disse. 

Ewerton Páscoa tem 32 anos e acumula passagens por Santos, Ceará, Sport, Náutico, Guarani, Criciúma, Bragantino, São Bento e Audax. Natural de São Paulo, o zagueiro estava no CRB nos últimos três anos, onde chegou em 2019. Na atual temporada, foi reserva na disputa da Série B e esteve em campo em 23 partidas.

Já Alisson Cassiano, de 27 anos, foi revelado pelo ABC, clube para o qual retornou em 2021. O defensor foi titular ao longo da campanha de acesso do time potiguar da Série D para a Série C, participando de 20 jogos. O atleta paulista também já passou por Guaratinguetá, Joinville, Portuguesa Santista, Moto Club, São Bento, Patrocinense e Treze.

Alisson jogou a Série D pelo ABC
(Foto: Rennê Carvalho/ABC F.C.)

Na lateral direita, a novidade é Alemão, de 31 anos. O jogador é baiano, de Oliveira dos Brejinhos, e estava no Criciúma, pelo qual participou da Série C ao longo de 14 duelos.

Antes, ele havia atuado por Taboão da Serra, Serrano, Nacional-SP, Flamengo-SP, União Barbarense, Independente de Limeira, Bragantino, Botafogo, Internacional, Paraná, Figueirense, Londrina, Água Santa e Portuguesa, além do Pohang Steelers, da Coreia do Sul.

Alemão participou de 14 jogos pelo Criciúma na Série C 2021
(Foto: Celso da Luz/ Assessoria de imprensa Criciúma E.C.)

Guilherme Queiroz, por sua vez, tem 31 anos e é natural de Novo Horizonte. Nesta temporada, ele disputou a Série C pelo Novorizontino. Durante a competição, fez 18 partidas, sendo 10 como titular, e marcou cinco gols.

O atacante também tem passagens por Atlético Sorocaba, Mirassol, José Bonifácio, Juventude, Portuguesa, Figueirense, Paraná, São Bento, Santa Cruz e Brasil de Pelotas. Seu melhor momento na carreira foi na Lusa, em 2015, quando foi artilheiro da Série C com 12 gols em 19 partidas.

Guilherme atuou na Série C 2021 pelo Novorizontino
(Foto: Guilherme Videira/Grêmio Novorizontino)

O Vitória corre contra o tempo para fazer novas contratações. Punido pela Fifa por causa de dívidas com o atacante Walter Bou, que passou pelo clube em 2018, e com o Boca Juniors (que emprestou o argentino ao Leão), o Leão tem apenas até o dia 17 de dezembro para inscrever novos jogadores. A partir de janeiro, a chegada de atletas só será possível caso o rubro-negro chegue a um acordo com os credores. 

A diretoria planeja fazer pelo menos 14 contratações até o início da Série C, previsto para 10 de abril. Além da terceira divisão, o rubro-negro também disputa em 2022 o Campeonato Baiano e a Copa do Brasil.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas