Vitória leva virada do Coritiba e fecha o ano com derrota em casa

e.c. vitória
30.11.2019, 18:24:00
Atualizado: 30.11.2019, 19:09:43
Wesley disputa bola com a defesa do Coritiba durante jogo no Barradão (Foto: Arisson Marinho/CORREIO )

Vitória leva virada do Coritiba e fecha o ano com derrota em casa

Time paranaense conquistou o acesso e jogará a Série A em 2020

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


No último jogo do Vitória na temporada, o Leão repetiu uma história que o torcedor já está cansado: virada e derrota dentro de casa. Na tarde deste sábado (30), o rubro-negro até saiu na frente do Coritiba no Barradão, com gol de Anselmo Ramon, mas viu o alviverde marcar duas vezes no segundo tempo, virar o placar e se garantir na Série A de 2020. 

Ao torcedor rubro-negro que compareceu ao duelo, restou o alívio por já estar livre do rebaixamento e o pedido para que as coisas melhorem na próxima temporada. 

Agora, o Vitória entra em férias. O próximo compromisso da equipe da será apenas no dia 15 de janeiro, quando recebe o Jacobina, no Barradão, pela primeira rodada do Campeonato Baiano.

O jogo
Se de um lado o Vitória jogava solto e não tinha mais pretensões no campeonato, do outro o Coritiba entrou em campo lutando pelo seu retorno à Série A. Por isso, foi o time paranaense que começou mostrando as garras. Primeiro com Giovanni e depois no chute forte de Robson que Martín Rodríguez saiu bem e conseguiu sair bem e fez o bloqueio.

Disposto a estragar a festa alviverde, o Vitória respondeu com Baraka, que deu toquinho após a cobrança de escanteio e quase tirou o zero placar. Sabino chegou antes e afastou o perigo.

Depois disso, o jogo deu uma caída. Apesar de travarem um duelo bem movimentado, tanto Vitória quanto Coritiba tinham dificuldade no último passe e quase não assustavam os goleiros.

O clima da partida só voltou a esquentar no final da primeira etapa. Aos 45 minutos Robson cruzou rasteiro e Juan Alano apareceu entre os zagueiros, mas finalizou fraco e parou em Martín Rodríguez.

O castigo para o Coxa veio dois minutos depois. Eron descolou belo passe para Anselmo Ramon. Livre, o camisa 9 chutou forte. Muralha fez a defesa parcial, mas a bola voltou para o próprio Anselmo Ramon empurrar para as redes e abrir o placar para o Vitória.

Mesmo em desvantagem, o Coritiba ia se beneficiando dos outros resultados e garantindo o acesso à Série A. 

Roteiro conhecido
Tranquilo no duelo, o Vitória voltou para o segundo tempo com o mesmo time. Quem precisou mexer foi o Coxa. Com apenas um minuto da etapa final Igor Jesus desabou no gramado e pediu para sair. O atacante Wanderley foi para o jogo.

Assim como no primeiro tempo, o Coritiba iniciou o duelo buscando o ataque. Depois de ganhar a disputa na intermediária, Serginho soltou a bomba e exigiu boa defesa de Martín. O Leão respondeu na mesma dose. Gedoz recebeu de Van, ajeitou e bateu forte. Muralha espalmou. 

Com o jogo lá e cá, quem chegou ao gol foi o Coritiba. Aos 15 minutos Serginho achou Robson dentro da área. O atacante cruzou rasteiro e Wanderley completou para as redes, empatando o duelo. 

Herói improvável do Coritiba, Wanderley voltou a deixar a sua marca aos 31 minutos. O passe de Juan Alano rasgou a defesa rubro-negra e deixou o centroavante de cara com Martín Rodríguez para tocar na saída do goleiro e virar o placar para o Coxa. 

Mesmo em desvantagem, o Vitória conseguiu criar boas chances. O Leão ficou perto do empate no chute de Felipe Gedoz que passou tirando tinta da trave de Muralha. Os jogadores do rubro-negro chegaram a pedir um toque de mão, mas o árbitro mandou seguir. 

Mas nem mesmo os quatro minutos de acréscimos dado pela arbitragem foram suficientes para evitar um novo tropeço em casa. 



***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/mestre-lourimbau-e-localizado-e-esta-internado-em-hospital-no-pau-miudo/
Parentes e artistas fizeram campanha para encontrar berimbalista de 72 anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nissan-frontier-conquista-pelo-conforto-a-bordo/
Jornalista rodou pela Bahia com a cabine dupla com motor biturbo a diesel. Assista ao vídeo com as impressões
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/paulo-vieira-nao-cansa-de-fazer-rir/
Humorista já fez cinco programas na Globo, incluindo o Fantástico e vai estrear programa no Globoplay
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/live-discute-cobertura-e-influencia-da-imprensa-na-guerra-da-independencia/
Assista à live-aula especial sobre o Dois de Julho com Nelson Cadena
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/neto-ocupacao-em-84-eu-abro-tudo-colapsa-o-sistema-e-o-culpado-vai-ser-quem/
Prefeito de Salvador diz que manterá restrições para preservar vidas e garante não temer pressões: ‘Só vamos abrir o comércio quando for possível’
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/whatsapp-anuncia-figurinhas-animadas-e-video-chamadas-com-ate-8-pessoas/
Modo escuro também está entre as novidades; veja vídeo e saiba mais detalhes
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/imprensa-e-dois-de-julho-sera-tema-de-segunda-live-do-correio-sobre-independencia/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/depois-de-madrugada-de-terror-pm-instala-base-movel-em-sussuarana/
Base vai funcionar 24 horas com 60 policiais; Nordeste de Amaralina e Engenho Velho da Federação também terão
Ler Mais