Você tem Selene Delgado López no Facebook? Entenda caso que viralizou na rede

em alta
01.09.2020, 13:55:00
Atualizado: 01.09.2020, 14:23:17
(Reprodução/Facebook)

Você tem Selene Delgado López no Facebook? Entenda caso que viralizou na rede

Usuários afirmam que é um contato que todos têm, mas ninguém jamais aceitou; mulher teria desaparecido no México nos anos 1990

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Diversos usuários do Facebook afirmaram, entre esta segunda (31) e terça-feira (1º), que o usuário Selene Delgado López é um contato que praticamente todos têm como amigo na rede social. Isso tem causado muita intriga entre os internautas - afinal, muitos dizem que não conhecem o usuário e sequer adicionaram a conta.

Acontece que o perfil é configurado apenas para enviar mensagens, por isso os internautas têm a ilusão de que "Selene" é amiga da pessoa no Facebook. Mas, ainda assim, diversos usuários garantem que esse é um caso paranormal, pois nunca receberam um pedido de amizade, mas ainda está em sua lista de amigos.

Busque em seu Facebook: provavelmente você tem esse contato
(Foto: Reprodução/Facebook)

De acordo com o jornal ABC, do México, essa situação toda também chama atenção por lá. E mais: seria em terras mexicanas que teria “vivido” Selene. Isso porque, entre os anos 90 e 2000, uma emissora de televisão onde os desaparecimentos eram narrados com fichas informativas para agilizar a busca, o nome de Selene Delgado López apareceu muito entre os comerciais. A história contada é que sua família tinha oito anos procurando seu paradeiro.

(Reprodução/ABC)

Com isso, Selene tornou-se, em muitos lares mexicanos, uma espécie de fantasma social. Ainda segundo o veículo mexicano, muitas crianças cresceram assistindo desenhos em um canal do país, e sempre aparecia uma legenda dizendo: Pedimos sua ajuda para localizar tal pessoa… Mas, depois de um tempo, o canal deixou de transmitir o arquivo e nunca informaram se a mulher havia sido localizada.

Ainda segundo o ABC, tempos depois descobriram que os dados fornecidos pela emissora de televisão eram falsos, assim como qualquer registro da existência de Selene Delgado ou de seus familiares. Alguns cidadãos afirmam que o caso de Selene Delgado López teria sido, então, um experimento de mídia.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas