Voos de Salvador para Lisboa, Buenos Aires, Santiago e Madri são cancelados

salvador
03.02.2021, 13:29:21
(Foto: Divulgação)

Voos de Salvador para Lisboa, Buenos Aires, Santiago e Madri são cancelados

Não há previsão de retorno; agora, nenhuma rota internacional está saindo

Quatro das rotas internacionais saindo do Aeroporto de Salvador foram canceladas e não têm data definida para retorno. Os voos para Buenos Aires, Lisboa, Santiago e Madri estão suspensos por enquanto.

Segundo a assessoria de comunicação do aeroporto, a suspensão da rota para Lisboa ocorreu por conta de uma determinação do governo português, proibindo a chegada de aviões vindos do Brasil. Já para Santiago e Buenos Aires a decisão foi tomada pela JetSmart e Aerolíneas Argentinas, empresas que operavam as rotas, alegando falta de demanda, altamente impactada pelas restrições a viagens com origem ou destino ao Brasil.

No caso de Madrid, ainda havia um voo saindo por semana pela Air Europa, mas também foi suspensa hoje pois o governo espanhol restringiu os voos vindos do Brasil, com apenas passageiros europeus ou residentes podendo desembarcar.

Outra rota internacionl operada para Salvador,  a para Cidade do Panamá pela Copa Airlines foi suspensa ainda no início da pandemia e ainda não há previsão para retorno.

Os voos para Lisboa estavam saindo duas vezes por semana, mesmo número para Buenos Aires. Já a rota para Santiago operava apenas uma vez por semana.

Os passageiros que tinham passagens compradas para esses destinos devem entrar em contato com as companhias aéreas para solicitar o cancelamento ou remarcação.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas