WhatsApp permitirá grupos com milhares após eleições no Brasil

tecnologia
14.04.2022, 15:56:00

WhatsApp permitirá grupos com milhares após eleições no Brasil

Empresa pretende implantar novidade apenas após eleições

O WhatsApp anunciou, nesta quinta-feira (14), uma novidade que permite agregar diferentes grupos em um espaço em comum, com potencial de enviar mensagens para milhares de pessoas ao mesmo tempo.

O recurso, WhatsApp comunidades, ainda será testado ao redor do mundo, mas a previsão é de que chegue ao Brasil depois eleições de 2022, de acordo com a companhia. Hoje, um grupo no aplicativo pode ter até 256 membros

A novidade acontece após o aplicativo ter fechado um acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para não implementar nenhuma mudança significativa de produto no Brasil antes das eleições, com o objetivo de combater a desinformação.

A ideia por trás do recurso, segundo a companhia, é atender pequenos grupos com o mesmo interesse, como escolas, membros de congregações religiosa, moradores de um mesmo condomínio ou até mesmo empresas.

Pacote de melhorias

Os usuários brasileiros do aplicativo ainda devem ter acesso a algumas melhorias nas próximas semanas. Confira:

Reações: Será possível reagir a uma conversa, com emojis.

Compartilhamento: Ampliação do tamanho de arquivos que se pode compartilhar por meio do aplicativo. Usuários poderão enviar documentos, fotos, vídeos de até 2 GB para seus contatos.

Ligação em grupo de até 32 pessoas: Até então, o limite era de 8 participantes.

Administrador poderá apagar mensagem no grupo: Poderão apagar mensagens erradas ou problemáticas de qualquer integrante nas conversas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas