XC60: Volvo atualiza o visual e agrega tecnologias ao seu SUV mais vendido

autos & etc
13.11.2021, 16:00:00

XC60: Volvo atualiza o visual e agrega tecnologias ao seu SUV mais vendido

Veja também o que mudou na linha 2022 da Toyota Hilux, conheça a nova versão do Renault Sandero e saiba qual modelo da Honda deixará de ser produzido
Por fora, a grande novidade da linha 2022 do XC60 está na dianteira, principalmente no para-choque

Historicamente o modelo da Volvo mais vendido no Brasil, o XC60 ganhou uma leve atualização visual e novos recursos de tecnologia. Na estética, a principal novidade é vista na dianteira, que ganhou para-choques redesenhados, nova grade frontal, lanternas fumê e novas rodas de liga leve.

Por dentro, o SUV incorpora novos recursos de conectividade na central multimídia: um sistema operacional desenvolvido pelo fabricante sueco em parceria com o Google é baseado no Android. Isso facilita a interação com o veículo, que poderá interagir com a assistente pessoal da empresa de tecnologia.

A Volvo oferece apenas um conjunto motriz para o XC60 no Brasil
A Volvo oferece apenas um conjunto motriz para o XC60 no Brasil
O sistema do Google é uma das novidades tecnológicas do SUV
O sistema do Google é uma das novidades tecnológicas do SUV
O XC60 é o modelo mais vendido pela marca sueca no mercado brasileiro
O XC60 é o modelo mais vendido pela marca sueca no mercado brasileiro

Na mecânica, nenhuma novidade. Todas as quatro versões são híbridas do tipo plug-in e contam com o mesmo conjunto: um motor 2 litros turbo movido a gasolina, que rende 320 cv de potência, associado a um propulsor elétrico que entrega 87 cv.

A potência combinada é de 407 cv e há 65,3 kgfm de torque. A bateria de 11,6 kWh permite que o condutor rode até 40 quilômetros no modo elétrico.

Custa entre R$ 399.950, preço da Inscription Expression, e R$ 466.950, valor cobrado pela Polestar Engineered.


MERCADO PREMIUM
No acumulado de janeiro até outubro, foram emplacados 37.448 automóveis premium no mercado brasileiro. Esse volume é 6% superior ao comercializado no mesmo período do ano passado.

Para a Volvo, o crescimento foi maior, de 16%. A marca passou de 5.746 unidades em 2020 para 6.659 neste ano. No Nordeste, o crescimento dos emplacamentos de carros de luxo, somando todas as marcas, foi de 7%, totalizando 3.793 veículos em dez meses.

Na região, a Volvo aumentou suas vendas em 11% em relação ao ano passado, somando 672 unidades no período.

MERCADO BAIANO
Na Bahia, foram licenciados 711 veículos premium entre janeiro e outubro. A liderança no estado é da BMW, que comercializou 238 unidades no período, o equivalente a 32,8%.

A Volvo ocupa a segunda posição com 129 exemplares, o que corresponde a 18,1% do mercado estadual.

Em seguida ficaram: Mercedes-Benz (14,3%), Audi (14,1%), Jaguar Land Rover (13,8%), Lexus (3,8%) e MINI (3,09%).

INSPIRAÇÃO VISUAL
A Renault está comercializando uma nova versão do Sandero, a S Edition. Nessa configuração o hatch é equipado com transmissão manual e motor 1 litro aspirado, que rende até 82 cv de potência.

O para-choque da configuração RS é a atração na versão S Edition do Sandero

A grande novidade fica na dianteira, que é inspirada na opção esportiva R.S. do carro: o para-choque conta com luzes de rodagem diurnas em LED posicionadas na parte inferior e moldura integrada, com acabamento em cinza.

A parte inferior traz ainda a grade em colmeia enquanto a grade superior, horizontal, tem acabamento preto. Custa R$ 76.790.

TENHA MAIS ATENÇÃO
Entre janeiro e agosto de 2021, o índice de internações por atropelamentos de crianças e adolescentes entre 0 e 19 anos, na condição de pedestres ou ciclistas, cresceu 9% em comparação com o mesmo período no ano passado.

No total, mais de seis mil delas foram hospitalizadas em estado grave e quase 500 foram a óbito no local onde foram atropeladas. Os dados são da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego.

AMPLIANDO AS POSSIBILIDADES
O fabricante de carros elétricos Rivian, que ganhou há alguns meses um aporte financeiro da Amazon e da Ford, entrou no mercado de ações nesta semana e o valor ultrapassou US$ 100 bilhões.

A R1T é a primeira picape da Rivian, marca norte-americana de veículos elétricos

Isso automaticamente torna a montadora a segunda mais valiosa dos EUA, à frente de concorrentes como Ford e GM e atrás apenas da Tesla, que recentemente atingiu o valor de US$ 1 trilhão.

A Rivian foi fundada em 2009, mas seu primeiro veículo, a picape R1T, só começou a ser produzida em série há dois meses.

A estratégia é ambiciosa: a empresa quer chegar a 2030 fabricando 1 milhão de elétricos por ano.

PEQUENOS AJUSTES
Líder de venda entre as picapes médias, a Hilux tem novidades para a linha 2022. Para versão SRX, a topo de linha, o utilitário da Toyota ganhou quatro câmeras que formam uma visão de 360° e o sistema de pré-colisão frontal, que passou a detectar também pedestres e ciclistas.

Na linha 2022, a Toyota Hilux não conta mais com propulsores flex

As versões SRX, SRV e SR agora têm ar-condicionado digital de duas zonas. São seis versões, sempre a diesel, que custam entre R$ 208.090 (chassi cabine) e R$ 306.990 (SRX). A motorização flex saiu de linha.

FIM DE LINHA
Lançado no Brasil em 2003, o Fit deixará o mercado nacional no final deste ano. Versátil, o modelo será substituído pelo City hatch no começo de 2022.

Terá o mesmo estilo do sedã, que ganhará nova geração nos próximos dias para concorrer com Nissan Versa e Volkswagen Virtus.

Depois de 18 anos, o Fit deixará de ser oferecido no mercado brasileiro


***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas