Yasmin Brunet manda indireta para mãe de Medina em meio a briga

em alta
14.10.2021, 12:38:00
Atualizado: 14.10.2021, 12:39:09
(Reprodução)

Yasmin Brunet manda indireta para mãe de Medina em meio a briga

Luiza Brunet também se manifestou e disse que vai à Justiça por conta de "calúnias"

A modelo Yasmin Brunet mandou uma indireta para a sogra, Simone, mãe do surfista Gabriel Medina, em uma postagem feita nas redes sociais.

"Resiliência é ser girassol mesmo durante a chuva", escreveu Yasmin na legenda de uma foto no Instagram, em mensagem que foi entendida como endereçada à sogra. O conflito entre as duas ficou em evidência nos últimos dias depois que prints de Simone criticando e ofendendo a nora em conversa com Gabriel.

"Maravilhosa, quem não gosta que lute", apoiou uma seguidora. "Sua luz cega quem vive no escuro e seu passado não define quem você é", disse outra.

A briga de família aparentemente vai parar na Justiça. Yasmin resolveu processar a sogra depois de Simone insinuar que ela teria sido atriz pornô, informou o colunista Leo Dias, da Metrópoles.

Conversa
Os prints da conversa mostram Simone conversando com Gabriel e fazendo ataques pesados a Yasmin. "Até do seu julgamento eu tenho pena. Tenho pena de sua pobreza de espírito. Sua esposa e a mãe dela são muito decentes: Filme pornô, aborto, relacionamento homossexual. Quem é que são vocês? Podres!", diz a conversa, atribuída a Simone.

Além de Yasmin, Luiza Brunet, mãe da modelo, também se manifestou, afirmando que foi vítima de calúnias. 

"Não sou eu quem tem que dar explicações, mas sim a Sra. Simone, que terá que explicar as suas ofensas, difamação e calúnia na Justiça", diz nota. 

Confira a nota de Luiza Brunet na íntegra: 

"Nunca me meti nos relacionamentos dos meus filhos. Acredito e confio nas escolhas que eles fazem para suas vidas. O Gabriel, sem dúvida nenhuma, é um marido maravilhoso para Yasmim.  

Justamente por isso, é lamentável ter que vir, publicamente, falar sobre a Sra. Simone Medina, mãe de Gabriel. Até porque, não a conheço pessoalmente, assim como ela não me conhece e nada sabe sobre minha vida e a vida de meus filhos. 

Tenho 40 anos de carreira, e sempre trabalhei de maneira muito honesta e honrosa. Nunca prejudiquei ninguém, nunca precisei violentar minha consciência. Tudo que fiz e faço está nas redes sociais e em minha biografia. Não há nada a esconder ou envergonhar. 

Não sou eu quem tem que dar explicações, mas sim a Sra. Simone, que terá que explicar as suas ofensas, difamação e calúnia na Justiça."

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas