Encontro de Direito Digital e Segurança da Informação acontece em Salvador em novembro

Os crimes virtuais têm impactos percebidos no chamado mundo real e não se pode separar as duas definiçõe

Publicado em 26 de outubro de 2015 às 16:22

- Atualizado há 10 meses

Acontece no dia 26 de novembro o I Encontro de Direito e Segurança da Informação para área Industrial, em Salvador, para interessados em discutir o tema. Especialistas destacados no cenário nacional e baiano vão discutir os principais assuntos da atualidade sobre Direito Digital e Segurança da Informação para área industrial, no âmbito jurídico e cibernético.

No mundo atual, golpes e ataques na internet estão em crescimento. Os crimes virtuais têm impactos percebidos no chamado mundo real e não se pode separar as duas definições atualmente. Para enfrentar os novos tipos de crimes, as polícias estão se aperfeiçoando. O desafio também se impõe para que empresários protejam seus negócios das ameaças.

A boa prática digital ensina que não devemos navegar em sites inseguros, não devemos realizar cadastros com nossos dados pessoais aleatoriamente; não devemos deixar os “cookies e popups” ativos pois nossos dados podem ser coletados e utilizados a nossa revelia. Em 2014 entrou em vigor o Marco Civil que dispõe sobre os direitos e deveres dos usuários e prestadores de serviços de internet. Agora será o momento da internet das coisas (IoT), onde tudo e todos os dispositivos e dados estarão conectados permitindo-lhes enviar e receber informações através da rede. Já a guarda de dados pessoais acaba de ter seu projeto de lei (PLS 184/14) aprovado e preconiza a forma pela qual serão tratadas as informações da sociedade civil, visando salvaguardar que os usuários não tenham sua privacidade invadida o que caracterizaria crime digital.

O seminário vai discutir estes e outros temas.

Serviço:Data do evento: 26 de novembro de 2015Local: Salão de Evento do Edifico Salvador Trade CenterPúblico Alvo: Empresários e executivos do setor, dirigentes de Entidades Empresariais, gestores de automação, Autoridades da área do governo ou envolvidos diretamente com o tema. O quantitativo previsto será de 300 pessoas com estimativa de 90% do público proveniente da Cidade do Salvador e 10% oriundos de diversas localidades do Brasil, que representarão organizações de pequeno, médio e grande portes.